Blog Pós-graduação UNIPÊ

BLOG PÓS-GRADUAÇÃO UNIPÊ

Top 12: conheça as carreiras mais promissoras da atualidade

Postado por Fábio Albuquerque

Decidir sobre qual carreira escolher requer pesquisa, planejamento e adequação ao projeto futuro. Se o objetivo é traçar novos rumos e buscar maiores realizações, por exemplo, um MBA ou pós-graduação é requisito indispensável. No entanto, independentemente da decisão, conhecer as carreiras mais promissoras da atualidade é o primeiro passo.

Afinal, o mercado vem em constante evolução. Nesse contexto, profissionais híbridos são uma realidade, assim como os especialistas que saem do MBA com uma visão atualizada do mundo e de mercado, aumentando, portanto, a responsabilidade da decisão sobre a carreira.

Neste artigo, você entenderá quais são as 12 carreiras mais promissoras da atualidade, formação desejável, faixa salarial e as possibilidades de mercado para cada uma. Boa leitura!

top-12-conheca-as-carreiras-mais-promissoras-da-atualidade.jpg

1. Como anda o mercado de trabalho e quais são as previsões para 2017?

Concorrência acirrada, exigências em alta, muitos profissionais e poucas vagas disponíveis.

Em um cenário tão competitivo, é fundamental ter em mente que além das competências profissionais, o mercado está atento às chamadas habilidades socioemocionais, que compõem a inteligência emocional. Ou seja, o Quociente Emocional (QE), mais valorizado que o Intelectual (QI), é fator crítico de sucesso para os resultados das organizações e para sua carreira.

Já em termos de oportunidades, para 2017, a perspectiva de ligeira recuperação reacende a esperança do povo brasileiro. Continuam as incertezas e os desafios, mas esses sempre estiveram presentes na vida de nossos profissionais.

Setores agropecuário e farmacêutico apresentam boa melhora, e áreas como inteligência de mercado, comercial e vendas, novos negócios, tecnologia e finanças são apontadas como as de maior projeção.

Após esse rápido panorama, conheça as carreiras mais promissoras e veja qual delas tem a ver com você.

2. Quais são as 12 carreiras mais promissoras da atualidade?

As profissões listadas a seguir foram eleitas com base nas necessidades de mercado, vagas disponíveis, salários acima da média nacional, perspectivas de crescimento e valorização profissional.

É pertinente considerar que, com o surgimento do profissional híbrido, abordado anteriormente, profissionais graduados estão redirecionando a carreira com especializações em áreas correlatas ou não. Isso aumenta sua capacitação, abrangência profissional e consequentemente suas chances de sucesso.

Aproveite a leitura e veja quais se adequam mais ao seu perfil para acertar em cheio ao planejar a sua carreira!

2.1 Growth hacker

Em uma tradução livre, poderíamos chamar esse profissional de "perseguidor do crescimento". Essa definição é fiel do trabalho desenvolvido por ele em empresas de portes e segmentos diversos.

O growth hacker mescla conhecimentos em marketing, engenharia, relações com o cliente e marketing de conteúdo. Sua função é alavancar o crescimento por meios inovadores, interagindo com diferentes áreas da empresa, do financeiro ao marketing, passando por vendas e atendimento ao cliente.

Sua formação pode variar de administração à publicidade, ou marketing, com opções para engenheiros com pós-graduação em negócios.

Sobretudo, o mais importante para ele é buscar meios inovadores de crescimento, não se conformando com os meios tradicionais. Para isso é fundamental conhecer e conversar com as demais áreas, coordenando as ideias e construindo as soluções.

Vale propor novos produtos, ideias ou serviços. Também é importante conhecer processos de produção, vendas e atendimento, relações com representantes, distribuidores e com o varejo.

Uma vez inteirado dos processos, basta colocar a criatividade para trabalhar, interagir com as demais áreas e projetar o crescimento da empresa.

  • Média salarial inicial: R$ 3.000,00
  • Média salarial final: R$ 6.000,00

conheca-as-carreiras-mais-promissoras-da-atualidade.jpg

2.2 Executivo de desenvolvimento de negócios

Mais que um executivo de vendas, esse profissional busca criar ou encontrar novos nichos de atuação, estejam ou não relacionados ao segmento da empresa.

Profundo conhecedor e atento observador do mercado, possui visão macro e estratégica. Isso lhe permite enxergar oportunidades onde outros profissionais poderiam visualizar apenas dificuldades ou mercados sem potencial.

Empreendedor serial, o executivo de desenvolvimento de negócios procura sempre inovar na maneira de pensar, criar e agir. Essas competências são sua motivação e características principais.

É ele quem interage com marketing e finanças, para, depois de desenvolver uma boa ideia de negócio, alinhar a criação de novos produtos com a área de marketing e viabilizar investimentos junto ao setor financeiro.

Também capaz de estabelecer parcerias com prestadores de serviços ou empresas de porte e visão similares, esse executivo promove a abertura de novas oportunidades para a sua empresa e parceiros.

Administração e Marketing compõem o perfil acadêmico. Entretanto, para alcançar esses níveis de estratégia e visão, o MBA em Marketing o capacita para as análises de mercado, enquanto o MBA em Gestão de Projetos oferece condições para a estruturação das ideias, permitindo que a empresa desenvolva produtos e serviços vendáveis e rentáveis.

  • Média salarial inicial: R$ 5.000,00
  • Média salarial final: R$ 21.000,00

2.3 Gerente de Governança corporativa

A governança corporativa, por sua vez, administra as relações entre sócios, diretoria, conselho de administração, órgãos de fiscalização, controle e demais partes interessadas.

Em meio ao turbilhão político que vivemos e considerando mudanças recentes no Direito Administrativo, esse profissional zela pela lisura e transparência em todas as relações da organização.

Sua atuação pode não ser facilmente notada, e é natural que seja assim. Porém, se o seu trabalho não for bem executado, os problemas atingem proporções indesejáveis.

Sua efetividade garantirá que os investimentos sejam mantidos e apropriadamente realizados, as demonstrações de resultados transparentes e que as relações com órgãos fiscalizadores e regulamentadores transcorram sem atropelos.

Administradores, economistas e engenheiros se habilitam à função, com espaço também para advogados. Mas todos precisam de especialização em controladoria e auditoria ou Direito Administrativo e Gestão Pública.

As associações mais adequadas para a função contemplam advogados especializados em controladoria e auditoria, bem como administradores ou economistas com pós-graduação em Direito Administrativo e Gestão Pública.

Se seu objetivo é estabelecer novos rumos na carreira, você não precisa perder o que conquistou. É possível agregar valor e reconhecimento com a inserção em novas áreas de atuação.

  • Média salarial inicial: R$ 6.500,00
  • Média salarial final: R$ 38.000,00

2.4 Gerente de Marketing

Pertencente a uma das áreas mais promissoras no mercado de trabalho atual, esse profissional cuida de todo o planejamento de marketing e comunicação da empresa.

Suas atribuições incluem marketing digital, divulgação e reforço de marca, adoção de estratégias de relacionamento com o público-alvo e suporte à área de vendas.

De forma promissora, o marketing vem evoluindo progressivamente em virtude das redes sociais e da comunicação intensa dos consumidores com as marcas. Esse cenário traz maior responsabilidade ao profissional da área, compelindo-o a um planejamento dinâmico e em constante atualização.

Suas ações e respostas precisam ser ágeis e objetivas, principalmente em casos de reclamações sobre produtos ou serviços.

Além da formação em marketing, os cursos de administração e publicidade também o credenciam à carreira.

Para voos mais altos, o MBA em marketing aprofunda os conhecimentos, mas com os altos volumes de dados e pesquisas, não se pode desconsiderar o MBA em Business Intelligence com Big Data.

  • Média salarial inicial: R$ 15.000,00
  • Média salarial final: R$ 25.000,00

2.5 Gerente de Trade marketing

O Gerente de Trade Marketing ocupa posição estratégica nas empresas, gerando condições para que marketing e vendas alcancem sucesso. Em tempos de estagnação econômica, sua atuação é vital.

Sua importância lhe garante destaque profissional, ao mesmo tempo em que o coloca em uma vitrine, com avaliações constantes por parte de marketing e vendas.

Ele é o responsável por criar e executar ações de marketing e vendas envolvendo o "sell in", que consiste em vendas diretas para o varejo, e o "sell out", que abrange todas as vendas ao consumidor final.

Além disso, gerencia — direta ou indiretamente — as equipes de promoções e exposições de seus produtos nos pontos de venda, cuidando para que o consumidor, no ato da compra, opte por seus produtos ao invés do concorrente.

Junto do marketing, esse profissional coopera ainda para a criação de materiais de "merchandising", como displays de exposição, peças atrativas e outros diferenciais que destaquem seus produtos nos pontos de venda.

Com base em pesquisas de mercado, ele corrige o posicionamento dos produtos no varejo, promovendo reforço da marca e consolidação da imagem da empresa.

Publicidade e propaganda ou marketing são base para seu perfil, além de inglês fluente. Sua carreira é conhecida pela riqueza de opções para a especialização.

O MBA em Logística e Supply Chain lhe dará conhecimentos sobre as operações de varejo e fornecedores envolvidos, mas, em virtude da evolução da tecnologia de dados, o MBA em Business Intelligence com Big Data proporcionará análises de mercado mais assertivas e eficazes.

  • Média salarial inicial: R$ 6.800,00
  • Média salarial final: R$ 30.000,00

2.6 Controller

Conhecido como o "Head" das áreas de contabilidade, fiscal e custos, o controller é responsável pela apuração de resultados da organização, sua comunicação à diretoria e corpo gestor.

Ele trabalha alinhado com os setores financeiro e compras, responsáveis diretos por seus resultados em redução e otimização de custos. Essas características atraem os olhares do corpo diretor e demais gestores, pois seu sucesso refletirá em toda a organização.

Mais que isso, ele faz a comunicação dos resultados acompanhada de medidas e soluções no âmbito de sua área para que a empresa tenha condições de melhorá-los, gerando valor para acionistas, colaboradores e stakeholders.

É considerado o guardião das riquezas contábeis da empresa, pois, dependendo de seu domínio em Direito Tributário e Processo Tributário, obterá êxito em evitar pagamento excessivo de tributos e, com a área jurídica, se valer de entendimentos legais para recuperar créditos tributários por via judicial.

Em paralelo, sua especialização em Controladoria e Auditoria lhe permitirá atuar preventiva e corretivamente nos processos da organização, evitando falhas, otimizando custos e complementando sua formação em Ciências Contábeis, Administração ou economia.

  • Média salarial inicial: R$ 9.000,00
  • Média salarial final: R$ 28.000,00

Baixe agora

2.7 Diretor financeiro

O diretor financeiro é responsável pelas áreas financeira, controladoria, crédito, contabilidade e compras. Tem sob sua gestão o jurídico, auditoria e TI em algumas empresas. O planejamento estratégico dessas áreas segue seu comando, e os principais resultados da organização têm sua contribuição efetiva.

Não se restringe, entretanto, a essa esfera. Para que a empresa se destaque diante da concorrência, a otimização de custos e aumento de produtividade em todas as áreas sob sua gestão permitirão reinvestimento de capital em áreas como vendas, marketing e desenvolvimento de novos negócios.

Pela importância do cargo, network é essencial. Seus relacionamentos envolvem empresários de outros setores, políticos, formadores de opinião, e, principalmente, profissionais da imprensa. Em momentos cruciais seus relacionamentos abrirão portas e horizontes para a organização.

Esse profissional com MBA em Gestão Bancária e Finanças Corporativas terá a função de dirigir a organização e inseri-la em patamares mais elevados, por meio de projetos mais abrangentes, como fusões, aquisições e novas parcerias estratégicas.

Além do inglês fluente, formação em Economia, Ciências Contábeis ou Administração completam seu perfil. A pós-graduação em Controladoria e Auditoria também deve ser considerada.

  • Média salarial inicial: R$ 20.000,00
  • Média salarial final: R$ 30.000,00

2.8 Gerente de compliance

A área de compliance objetiva cumprir normas legais e regulamentares, bem como diretrizes do negócio e atividades da organização. Seu compromisso é evitar desvios e inconformidades em todas as esferas de atuação da empresa, com abrangência sobre todos os colaboradores.

Nesse sentido, a Lei 12.846/2013 trata de maneira severa qualquer empresa, seus representantes ou colaboradores que atuem ou contribuam para fraudar as relações com o Poder Público. As punições incluem multas milionárias em caso de descumprimento, além das sanções penais cabíveis.

A descrição acima permite compreender a seriedade e importância desse cargo. Graduados em Administração, Economia, Ciências Contábeis ou Tecnologia da Informação estão aptos a assumir essa responsabilidade.

Grandes empresas buscam nesse profissional um perfil ético, consistente e equilibrado, com foco nas relações internas e externas, sempre com atenção às diretrizes da organização.

Com discrição e competência ímpares, o gerente de compliance deve utilizar-se da visão macro, e ao mesmo tempo detalhista, para conseguir prever situações de risco e eventuais falhas em processos diversos.

Por essa razão, mais que um diferencial, a pós-graduação em Controladoria e Auditoria capacitará o profissional a auditar, prevenir e detectar falhas ou fraudes que ocasionarão prejuízos imensos à organização.

A progressão na capacitação do gerente de compliance pode ser alcançada pela especialização em Direito Administrativo e Gestão Pública, permitindo profunda compreensão sobre essa esfera do Poder Público.

  • Média salarial inicial: R$ 18.000,00
  • Média salarial final: R$ 25.000,00

2.9 Engenheiro de dados

Com graduação em exatas, nas áreas de ciência da computação, matemática, estatística ou análise de sistemas, esse profissional pertence ao seleto grupo de áreas mais promissoras no mercado de trabalho atual.

Sua função é garimpar e analisar altos volumes de dados da organização, de forma a detectar tendências e comportamentos que facilitem a compreensão dos negócios da empresa e de seus clientes.

A inteligência de mercado vem sendo alvo de investimentos por parte das grandes corporações, em parte pelo maior envolvimento do consumidor com as marcas, mas principalmente porque o comportamento do mercado não segue um padrão específico.

Essa volatilidade do consumidor exige rapidez e assertividade na análise dos dados, tornando fundamental a atuação do engenheiro de dados. Sua efetividade permite que novos produtos sejam criados, outros melhorados e alguns até mesmo retirados do mix da empresa.

Como lançamentos de produtos consomem alguns milhões de reais, oferecer informações precisas sobre o comportamento do consumidor direciona marketing, produção e vendas para estratégias otimizadas e eficazes.

O MBA em Business Intelligence com Big Data se encaixa perfeitamente no perfil, capacitando o profissional não apenas para garimpar e analisar dados não estruturados, como também para promover a estruturação, facilitando seu trabalho e potencializando os resultados.

Mas atenção! Em virtude da evolução tecnológica, não se pode relaxar quando o assunto é atualização e capacitação profissional. Profissional estagnado é rapidamente ultrapassado.

  • Média salarial inicial: R$ 15.000,00
  • Média salarial final: R$ 30.000,00

2.10 Gerente tributário

Em um ambiente tributário complexo, confuso e com alta carga, é notória a importância do gerente tributário para a saúde e longevidade das empresas.

Dentre as várias atribuições desse gabaritado profissional, duas frentes se destacam. Uma delas é a operacional, que objetiva manter a regularidade tributária por meio dos recolhimentos corretos, evitando penalidades legais e prejuízos financeiros decorrentes de juros e multas.

A segunda é estratégica, pois lida com a análise da legislação tributária, e, em análises mais aprofundadas, busca por entendimentos e interpretações dessa legislação.

Pela complexidade das leis brasileiras, várias instâncias judiciais possuem entendimentos divergentes das práticas de órgãos fiscalizadores, abrindo precedentes legais para questionamentos sobre incidência de impostos e bitributação, permitindo recuperação de altos valores já recolhidos.

Mas os melindres do cenário político e econômico exigem do gerente tributário cautela e segurança. É importante considerar que seu trabalho na esfera estratégica não vai gerar resultados no curto prazo.

O planejamento tributário pode ser muito complexo, dependendo do porte e segmento de atuação da empresa. Não se deve esperar que os resultados apareçam de imediato, e é sensato esperar que uma área vital para a preservação da empresa não tome decisões bruscas.

Por isso sua formação em Direito, Administração, Ciências Contábeis ou Economia deve ser respaldada pela pós-graduação em Direito Tributário e Processo Tributário.

Entretanto, como estudos e carreira profissional caminham lado a lado rumo ao sucesso, não se deve desconsiderar outra pós em Direito Administrativo e Gestão Pública. Afinal, o conhecimento dos meandros da Administração Pública pode abrir portas inacessíveis para leigos.

  • Média salarial inicial: R$ 16.000,00
  • Média salarial final: R$ 22.000,00

carreiras-mais-promissoras-da-atualidade.gif

2.11 Arquiteto em Soluções de TI

Graduado em Ciência da Computação, esse profissional é uma evolução do arquiteto de sistemas, dada a abrangência de seu conhecimento.

Embora seja uma área que depende de aprendizado profundo e constante, as oportunidades superam o esforço, pois a escassez de profissionais vem trazendo dores ao mercado e valorizando quem se dedica ao conhecimento em tecnologia.

Seu trabalho consiste em desenvolver soluções para as diversas áreas da empresa, preferencialmente integrando-as entre si, promovendo agilidade e precisão nos processos.

As necessidades do negócio são sua força motriz. Por isso, ele precisa conhecer e constantemente atualizar-se em relação às regras do negócio, seu planejamento estratégico e expectativas das áreas às quais atende.

Como a reutilização de funcionalidades e serviços faz parte de sua "job description", precisa conhecer profundamente as estruturas já existentes, respeitá-las e aperfeiçoá-las, otimizando processos e custos.

Além da experiência de alguns anos, o MBA em Arquitetura e Soluções de TI capacita esse profissional para os desafios que o mercado vem lançando diariamente. Desafios esses que não encontram candidatos suficientemente capacitados e disponíveis.

O arquiteto em soluções atua em conjunto com as áreas de administração de redes, sistemas e infraestrutura de TI.

Pelo perfil abrangente e interativo, não seria exagero indicar para esse profissional uma pós-graduação em Gestão de Pessoas, aumentando sua capacitação para gerir relacionamentos com diferentes áreas, obviamente ampliando sua área de atuação.

  • Média salarial inicial: R$ 10.600,00
  • Média salarial final: R$ 25.000,00

2.12 Desenvolvedor full stack

Para melhor entender o termo, existem desenvolvedores "back end", que executam o trabalho não visível ao usuário, utilizando linguagens de programação.

Por outro lado, há os desenvolvedores "front end", responsáveis pela interface de sistemas e sites, parcela de desenvolvimento visível e com a qual interagimos.

E além deles, existem os desenvolvedores "full stack". Esses profissionais passaram necessariamente pelas duas diferentes etapas de desenvolvimento — "back end" e "front end" — e se aperfeiçoaram na integração entre os dois mundos, sendo capazes de compreender as virtudes e necessidades de cada um.

Essa habilidade os capacita a criar soluções que possuam excelente qualidade de programação com interface de fácil usabilidade e suporte ao usuário.

Mais que isso, o desenvolvedor full stack domina escalabilidade, versionamento e as várias possibilidades de armazenamento, utilizando-se desses conhecimentos para criar soluções robustas e inovadoras.

Sua formação pode ser em Ciência da Computação ou Sistemas para Internet. Mas, para alcançar níveis mais altos de remuneração e realizações, pós-graduação em Desenvolvimento de Aplicações para Web é recomendável, assim como o MBA em Arquitetura e Soluções em TI.

Inglês fluente é forte componente do perfil.

  • Média salarial inicial: R$ 4.000,00
  • Média salarial final: R$ 10.000,00

Como você pode ver, é fundamental conhecer as carreiras mais promissoras da atualidade, entendendo as perspectivas para 2017 e os anos que se seguirão.

Ainda assim, quem pode fazer a diferença é você.

Afinal, seu empenho, dedicação e planejamento são os principais componentes para uma carreira de sucesso. Cursos de pós-graduação são como degraus que se estendem à frente para que você suba e alcance o topo da carreira.

Os cursos de MBA coroam uma carreira bem-sucedida, impulsionando-a ainda mais alto. O conhecimento não se acumula, mas incorpora.

O profissional preparado com conhecimento de qualidade é visto como referência não apenas em sua área de atuação, mas em sua sociedade, como pessoa e agente de transformação.

Se você deseja assumir o papel de protagonista em sua carreira, a hora é agora, a decisão é sua e as carreiras mais promissoras da atualidade esperam por você!

Então, com qual carreira você mais se identificou? Qual delas é seu sonho? Conte pra gente, deixe aqui seu comentário!

Acessar material

pós-graduação

Fábio Albuquerque

Fábio Albuquerque

Pró-Reitor da Pós-graduação do Unipê. Mestre em Administração pelo Programa de Pós-graduação em Administração da Universidade da Paraíba, Especialista em Estratégia Empresarial e Pesquisador de Marketing, Consumo e Sociedade, além de Tecnologia da Informação e Sociedade.

ASSINE A NEWS

VÍDEOS

ACOMPANHE O UNIPÊ

REDE SOCIAIS