pós-graduação

Qual especialização em direito penal combina com você?

Fábio Albuquerque
27-09-2018 7:37

Sabia que algumas das cenas mais clássicas de Hollywood envolvem profissionais que fizeram uma especialização em direito penal? O embate entre advogados criminalistas, promotoria, júri e juiz está diretamente relacionado a essa que é uma das áreas mais conhecidas do direito.

Se você se identifica com o trabalho em questão, saiba que o direito penal conta com diversas especializações, cada uma com um direcionamento específico. Que tal conhecer um pouco mais deste universo para descobrir qual delas mais combina com você? Continue a leitura!

qual-especializacao-em-direito-penal-combina-com-voce

Entenda o que é o direito penal

Também conhecido como direito criminal, o direito penal determina até que ponto vai o que é legal e a partir de quando algo se torna crime. É a área do direito que define as condutas que podem oferecer risco à sociedade e causar mal a alguém, como terrorismo, crime organizado, tráfico, entre outras.

O direito penal define quais comportamentos são prejudiciais à sociedade e, por isso, considerados crimes e estipula penas a serem cumpridas por aqueles que não seguem as leis de boa convivência, garantindo a preservação e o desenvolvimento social.

Conheça algumas opções de especialização em direito penal

Quem opta por se especializar em direito penal vai encontrar no mercado uma gama de cursos específicos, uma vez que se trata de uma área muito ampla. Por isso, é fundamental entender os objetivos de cada especialização e, então, definir aquela na qual deseja investir.  

Ciências Criminais

Com carga horária de 390 horas e duração de 18 meses, a especialização em Ciências Criminais tem como objetivo formar profissionais capazes de compreender o atual cenário criminal para atuar de forma crítica e responsável no sistema jurídico.

O curso, voltado para graduados em direito e áreas afins, tem em sua matriz curricular matérias relacionadas às teorias do direito penal, que proporcionam aos alunos uma boa fundamentação teórica sobre a área.

Além disso, a especialização também oferece disciplinas como:

  • Teoria da Pena e Sistema de Execução Penal;
  • Criminologia e Controle Social;
  • Crimes em Espécie.

Com o avanço da internet, surgiu também um novo tipo de crime: o eletrônico. Nesta especialização, os alunos têm acesso a informações sobre o assunto por meio da matéria Macro-criminalidade, Crime Organizado e Cybercrimes.

Baixe agora

Criminologia e Psicologia Investigativa Criminal

A especialização em Criminologia e Psicologia Investigativa Criminal é voltada para formados em direito, psicologia, medicina forense e perícia criminal, além de policiais e profissionais de outras áreas afins que sejam relacionadas ao campo da investigação criminal.

Com duração de 18 meses e carga horária de 390 horas, o curso visa capacitar os profissionais para compreender o comportamento humano e os fatores que levam um indivíduo a cometer um crime.

Para que isso seja possível, a grade curricular dessa especialização em direito penal contempla disciplinas como Teoria Psicanalítica: uma contribuição ao estudo da criminalidade e Psicopatologia Forense, que preparam o aluno para analisar como funciona a mente de um criminoso e quais traços ela costuma apresentar.

As várias vertentes da investigação, seja de homicídios, de combate à criminalidade organizada e ao tráfico de drogas ou de crimes cibernéticos, por exemplo, também são contempladas nas disciplinas que compõem o curso.

Entre as matérias ofertadas nesta especialização, estão disponíveis, ainda:

  • Criminologia e Vitimologia;
  • Criminologia aplicada à Segurança Pública;
  • Criminologia midiática.

Perícia Criminal e Ciências Forenses

Com o objetivo de formar profissionais aptos a produzir e analisar exames periciais, que são cruciais na investigação criminal, a especialização em Perícia Criminal e Ciências Forenses tem um público-alvo bem amplo.

Ela é direcionada a peritos criminais, policiais — civis, militares, federais e rodoviários —, bombeiros e profissionais em geral da área de direito, como promotores de justiça, juízes, delegados, investigadores e advogados. Especialistas da saúde que também atuam na área investigativa, como médicos, odontólogos, biólogos, farmacêuticos, físicos, químicos e psicólogos também podem se interessar por esta especialização, assim como outros que queiram atuar na área de perícia criminal.

O curso tem duração de 18 meses, carga horária de 483 horas e sua matriz curricular é composta por diversas matérias voltadas para a Ciência Forense — que compreende as diversas técnicas e conhecimentos utilizados para desvendar crimes —, tais como:

  • Toxicologia;
  • Antropologia;
  • Balística;
  • Informática;
  • Biologia;
  • Química Forense.

Além disso, nesta especialização em direito penal totalmente focada na investigação de crimes, os alunos também estudam sobre Processualística Pericial, Criminalística e Psicologia Criminal.

giphy

Direito Penal, Processo Penal e Segurança Pública

Assim como o curso de Perícia Criminal e Ciências Forenses, a especialização em Direito Penal, Processo Penal e Segurança Pública também tem um público-alvo extenso, uma vez que tem como objetivo oferecer aos profissionais uma visão multidisciplinar do direito penal.

Além dos profissionais formados em direito, advogados, juízes, promotores, procuradores e defensores públicos, quem atua em áreas como recursos humanos, segurança pública e administração também compõe o público-alvo para o qual o curso é direcionado.

Os alunos desta especialização em direito penal, que tem carga horária de 388 horas e duração de 18 meses, encontram na matriz curricular matérias relacionadas à segurança pública, aos direitos humanos, aos crimes cibernéticos, ao sistema penitenciário e à execução penal, entre outros assuntos.

A disciplina Aplicação Prática do Processo Penal também tem destaque no curso, que aborda, ainda, as teorias e o novo código de Processo Penal. Esta é uma especialização que prepara o profissional para uma forte atuação no sistema de justiça criminal brasileiro.

Escolha uma instituição de ensino confiável

Neste momento, você já conhece os principais tipos de especialização em direito penal e está pronto para escolher um curso e aprimorar sua carreira. Vale, então, destacar que é fundamental escolher uma instituição de ensino confiável, que tenha reconhecimento no mercado e seja credenciada pelo Ministério da Educação (MEC).

Com mais de 50 cursos disponíveis entre MBAs e especializações , o Unipê, por exemplo, é considerado o maior e melhor complexo universitário privado da Paraíba.

Contemplando diversas especializações por meio de suas subáreas, o direito penal faz os olhos dos alunos brilharem e atrai muitos profissionais interessados em seguir carreira em uma das áreas mais clássicas da advocacia.

Que tal, agora, contar para a gente qual é a especialização em direito penal que mais combina com você? Se tiver alguma dúvida, estamos à disposição para ajudá-lo. É só deixar seu comentário abaixo e teremos prazer em responder!

Acessar material

Recém adicionados

Veja nossas últimas atualizações
Materiais Gratuitos