Blog Pós-graduação UNIPÊ

BLOG PÓS-GRADUAÇÃO UNIPÊ

Descubra qual o pior inimigo da produtividade e como eliminá-lo

Postado por Fábio Albuquerque

Como você já deve imaginar, não existe apenas um inimigo da produtividade, mas vários. O primeiro passo para ter um bom desempenho no trabalho, portanto, é identificá-los para então combatê-los.

Interessou-se pelo assunto e quer descobrir quais são as principais ações e atitudes que minam a sua performance? Confira o conteúdo abaixo e saiba como eliminá-las de uma vez por todas!

descubra-qual-o-pior-inimigo-da-produtividade-e-como-elimina-lo.jpg

Realizar tarefas simultaneamente

Não há dúvidas de que o mercado está cada vez mais competitivo, exigindo que os profissionais se tornem multifacetados — isto é, que estejam aptos a realizar as diversas demandas empresariais.

Mas é preciso ter cuidado com esse aspecto. O fato de estar preparado para resolver todo tipo de solicitação não significa que você deve realizar todas as suas tarefas simultaneamente, pois isso fará com que você perca o foco. Ao perder o foco, a sua performance também será prejudicada.

Ao iniciar uma atividade, portanto, certifique-se de terminá-la antes de partir para a próxima. Essa simples ação ajudará a manter uma boa produtividade no trabalho.

Adotar uma postura perfeccionista

Muitos pensam que ser perfeccionista é uma qualidade. Mas há controvérsias, principalmente quando se relaciona perfeccionismo e produtividade.

Pense bem: pessoas perfeccionistas buscam atingir sempre a excelência. Tal característica faz com que elas realizem a mesma atividade uma, duas, três ou quantas vezes forem necessárias até que o trabalho realmente esteja impecável.

Como se pode imaginar, isso atrapalha a performance do profissional, uma vez que ele gasta horas para efetuar uma tarefa que poderia ser feita em minutos. Desapegue-se  da ideia de perfeição e seja mais prático, mas sem abrir mão da qualidade do serviço realizado.

Não largar o celular e os aplicativos

Snapchat, Facebook, Twitter, WhatsApp, LinkedIn e Instagram: essas são apenas algumas das redes sociais que fazem parte da vida de parcela expressiva da população brasileira.

É claro que, se usadas adequadamente, tais ferramentas tecnológicas ajudam a solucionar problemas e até mesmo a agilizar o processo de comunicação. No entanto, elas também podem se apresentar como um forte inimigo da produtividade.

Pense bem: se a pessoa paralisa o trabalho para conferir o celular a cada notificação, há grandes chances de que ela não consiga realizar suas tarefas do dia em tempo hábil. Não precisa ser nenhum gênio para perceber que, nesse contexto, fazer o uso apropriado do celular — se for o caso, deixá-lo até desligado durante o horário de expediente — é a melhor forma para alcançar melhores resultados.

Baixe agora

Responder imediatamente os e-mails

Outro ponto altamente prejudicial para a produtividade é ficar conectado o tempo todo no e-mail, mesmo que seja para resolver questões do trabalho. Afinal, quem deixa o e-mail corporativo aberto acaba se perdendo em meio às tarefas que já estão sendo executadas e às demandas que estão na tela do computador.

O mais indicado é estabelecer horários fixos para visualizar as mensagens. Quando chegar à empresa, por exemplo, já verifique a caixa de entrada. Depois, retire outro momento do dia para fazer novamente essa tarefa, assim você não deixará nada pendente.

Para facilitar o processo, vale a pena utilizar as funcionalidades e os recursos da plataforma. Colocar um alerta para determinados remetentes, como de clientes mais importantes, fornecedores e da equipe que atua diretamente com você, é uma boa ideia.

Além do mais, é possível criar uma mensagem automática informando ao remetente que você entrará em contato em breve.

Não ter um planejamento

Com tantas obrigações diárias, é fundamental ter um planejamento bem elaborado, capaz de direcionar suas ações.

Quer saber por quê? Então, pare um momento e reflita. Ao chegar ao escritório, quanto tempo você leva até, de fato, começar uma atividade? Se você tivesse um cronograma completo, abordando as tarefas que devem ser feitas e com os respectivos prazos de entrega, o trabalho seria agilizado, certo?

Perceba, nesse contexto, o quanto a organização pode influenciar positivamente seu serviço, otimizando os processos e melhorando a sua produtividade. Para não ter erro, faça uma espécie de check-list diária, certificando-se de segui-la à risca, combinado?

Lembre-se também de manter a sua sala e mesa de trabalho organizadas. Afinal, nada pior do que perder preciosos minutos para achar aquele documento importante, que ficou perdido no meio da bagunça. Com um espaço arrumado, você conseguirá destinar seus esforços e sua atenção para a realização das tarefas e não a questões supérfluas.

descubra-qual-o-pior-inimigo-da-produtividade-e-como-elimina-lo.gif

Postergar atividades complexas

Quem dera se pudéssemos escolher todas as nossas funções dentro de uma organização, não é? Assim, seria possível eliminar as tarefas complicadas e focar-se apenas naquelas mais fáceis.

Contudo, o mundo não é um mar de rosas e você, inevitavelmente, terá que aprender a lidar com as tarefas mais complexas. De nada adianta fugir durante todo o dia, postergando as atividades mais difíceis, pois uma hora ou outra você terá que executá-las.

Ao deixar tais tarefas por último, existe a possibilidade de você diminuir sua produtividade. Elas demandam mais tempo e atenção e, como imaginado, no final do expediente, a tendência é que você esteja cansado.

Então, arregace as mangas e faça de uma vez essas obrigações! Se possível, deixe todas para as primeiras horas do dia, momento em que você estará com toda energia necessária para enfrentar um desafio.

Ter hábitos nocivos

Quem acha que para se tornar mais produtivo basta levar o trabalho a sério, está muito enganado. Claro que dar a devida importância para a sua função, tendo em mente que o seu trabalho influencia os demais processos é essencial para manter um ritmo satisfatório — mas não é só isso.

A produtividade está também ligada a aspectos externos. Quer um exemplo mais claro? Então, vamos lá: suponha que você não tem dormido direito e que suas noites de sono se resumem a, no máximo, 5 horas. Diante desse cenário, nada mais natural do que chegar já exausto ao emprego, não é mesmo?

Por isso, é primordial pensar nos seus hábitos como um todo. Realizar atividades físicas e ter uma alimentação saudável, por exemplo, são fatores que interferem diretamente não só no seu desempenho, mas na sua qualidade de vida.

Entendendo a importância de eliminar certos hábitos e vícios e priorizando um estilo de vida mais equilibrado e harmonioso, pode ter certeza que a sua performance será melhor e que você obterá resultados cada vez mais expressivos.

Agora é a sua vez: qual dessas ações você considera o pior inimigo da produtividade? Você já adotou alguma delas? Compartilhe as suas experiências conosco aqui nos comentários!

Acessar material

pós-graduação

Fábio Albuquerque

Fábio Albuquerque

Pró-Reitor da Pós-graduação do Unipê. Mestre em Administração pelo Programa de Pós-graduação em Administração da Universidade da Paraíba, Especialista em Estratégia Empresarial e Pesquisador de Marketing, Consumo e Sociedade, além de Tecnologia da Informação e Sociedade.

ÚLTIMOS POSTS

ASSINE A NEWS

VÍDEOS

ACOMPANHE O UNIPÊ

REDE SOCIAIS