pós-graduação

Conheça a teoria do círculo dourado de Simon Sinek

Fábio Albuquerque
02-10-2018 7:32

O autor, palestrante e consultor organizacional, Simon Sinek, estava curioso para descobrir como certos líderes e empresas, tais como Martin Luther King e a Apple, inspiram outras pessoas no mundo inteiro.

Afinal, o que fazem de diferente? Como conseguem o sucesso e o destaque que ninguém mais consegue? Como a gigante Apple, por exemplo, ano após ano, consegue inovar e ter tantos resultados acima do planejado, enquanto outras companhias não passam nem perto disso?

Em meio a tantas dúvidas e questionamentos, Sinek correu atrás de suas respostas e deu origem a conhecida teoria do círculo dourado, tema central do nosso post. Quer saber mais sobre o assunto e entender como aplicar essa teoria na sua vida profissional? Siga conosco e aproveite a leitura. Vamos lá?

conheca-a-teoria-do-circulo-dourado-de-simon-sinek

O que é a teoria do círculo dourado?

Para responder a pergunta, Sinek, por meio de pesquisas e análises de casos, decodificou os principais processos das empresas e indivíduos de grande reconhecimento mundial. Com isso, ele descobriu que todos os envolvidos se comportavam de forma semelhante — e essa maneira é o exato oposto de como o resto do mundo se comporta.

Sinek resume, então, a sua teoria em três desenhos de círculos, sendo um dentro do outro, de tamanhos diferentes. São eles:

  • No círculo de dentro está a palavra “por que”;
  • No círculo do meio está a palavra “como”;
  • No círculo de fora está a palavra “o que”.

Com o desenho formado, ele nos ensina como a sua teoria funciona e como aplicá-la na prática. Acompanhe!

Como a teoria funciona?

O caminho comum

De forma geral, líderes e marcas se comunicam, agem, produzem e vendem na direção de fora para dentro do círculo. Ou seja, eles sabem e evidenciam, em primeiro lugar, o que fazem. Sendo essa a parte principal (ou a única), para a grande maioria.

Após essa etapa, evidenciam apenas como fazem o seu trabalho. Para, por fim, enxergar o porquê e o verdadeiro sentido pelo qual estão desempenhando o trabalho — a maioria nem sequer chega a esse ponto, pois não passa do "como" e não sabe a real motivação do que pratica.

Baixe agora

O caminho inverso

Retomando o exemplo da Apple, ela é uma das gigantes no ramo de tecnologia, certo? Mas você sabe por que ela se difere tanto das outras? A resposta de Sinek para essa pergunta é simples: ela percorre o caminho inverso do círculo!

Logo, o seu principal foco é entender o porquê a marca faz o que faz, compartilhando todos os seus objetivos, cultura e valores com o público geral. Dessa forma, o consumidor fica tão afeiçoado com a empresa, que quando ela chega nas etapas “o que" e "como fazer", ele já está disposto a comprar qualquer coisa que a Apple oferecer.

Na teoria, Sinek explica que todos os líderes que inspiram outras pessoas percorrem esse caminho contrário, de dentro para fora. Ou seja, o trajeto se inicia pelo porquê, passando pelo "como", para, apenas ao final, falar sobre "o que fazem". É esse caminho que norteia as ações, o discurso, o marketing e as práticas de relacionamento de cada um.

As pessoas compram o porquê você faz, não o que você faz

A teoria o círculo dourado ressalta que as pessoas compram a razão pelo que você faz, independentemente do que seja. Não importa se é um produto, um serviço ou uma ideia, o objetivo, segundo Sinek, "não é fazer negócio com quem precisa do que você tem e sim com as pessoas que acreditam no que você acredita.”

Como ela pode ser aplicada profissionalmente?

giphy

É possível aproveitar o conceito dessa teoria na vida profissional desde uma busca por emprego até a atuação em cargos de liderança dentro de uma grande companhia.

Na busca por um trabalho

Ao procurar um emprego, pesquise por vagas em empresas que compartilham os mesmos ideais que você. Sabemos que isso não é uma tarefa simples, afinal, nem sempre podemos escolher o nosso ambiente de trabalho.

No entanto, se você tiver a oportunidade de integrar o quadro de funcionários de empresas que têm princípios iguais aos seus, com certeza, terá mais satisfação pessoal em relação ao seu trabalho. Isso porque você acredita naquilo que a empresa também acredita!

Na outra ponta, a organização também estará mais inclinada a contratar um colaborador que partilha das suas visões, valores e missão.

Nos relacionamentos profissionais

Já no ambiente de trabalho, é possível aplicar a teoria do círculo dourado nos seus relacionamentos profissionais.

A forma como você conversa com os seus colegas principalmente se você tem um cargo de liderança , pode influenciar (e muito) na forma como eles vão absorver o que você diz e no comprometimento que terão com as suas ações. A mesma lógica se aplica ao momento de conversar com clientes atuais e traçar planos de ação para adquirir novos.

O foco e o norte das ações deve sempre estar voltado para a motivação da empresa. O intuito, aqui, é vender a sua ideia! Se você conseguir fazer com que as pessoas lhe escutem, simpatizem com a sua visão e partilhem a sua missão, o resto virá de forma mais leve e natural.

Na apresentação de projetos

Você também pode aplicar a teoria do círculo dourado na montagem e apresentação de projetos e sugestões. Comece com a razão que o motivou a desenvolver o projeto, compartilhando-o com os seus líderes e superiores. Se você falar com paixão e conseguir fazê-los acreditar no que você acredita, o seu argumento será muito mais forte, impactante e eficaz.

A melhor parte da teoria do círculo dourado é que ela é muito simples, mas igualmente eficiente. Ela é “apenas” uma mudança no seu discurso, percebe? É a ordem na qual você escolhe apresentar a sua ideia, o seu projeto e/ou a sua sugestão. A teoria de Sinek permite evidenciar a mudança que você deseja fazer, bem como convencer quem precisa ser convencido.

Por isso, experimente fazer um teste usando a teoria do círculo dourado na próxima vez que conversar com um colega ou quando for montar uma reunião de apresentação para atrair novos clientes.

Experimente estruturar o seu argumento focando e falando, em primeiro lugar, sobre a sua motivação. O resto vem depois! Veja como essa mudança de ordem vai mudar completamente a força do seu discurso e ajudá-lo a inspirar as pessoas a fazerem as mudanças que você desejar fazer.

Você já imaginou que uma prática tão simples como essa pudesse ter tanta força? O que achou da teoria do círculo dourado? Conte para a gente aqui nos comentários!

Acessar material

Recém adicionados

Veja nossas últimas atualizações
Materiais Gratuitos