Blog Pós-graduação UNIPÊ

BLOG PÓS-GRADUAÇÃO UNIPÊ

9 hábitos que devem ser evitados para aumentar a produtividade

Postado por Fábio Albuquerque

A crise econômica, infelizmente, acirrou ainda mais a competitividade na busca por uma melhor oportunidade de emprego. Além disso, o atual mercado de trabalho nacional não permite que os trabalhadores cometam muitos erros.

Cada empresa possui critérios e valores diferentes, porém, certos hábitos precisam ser evitados com o intuito de aumentar a produtividade no ambiente de trabalho. O post de hoje ilustra 9 desses hábitos e traz importantes práticas para atingir tal objetivo.

9-habitos-que-devem-ser-evitados-para-aumentar-a-produtividade.jpg

1. Usar indevidamente as redes sociais

Vivemos em uma sociedade em que todos usam e acessam as redes sociais para se comunicarem com amigos e colegas de serviço, acompanharem notícias e se divertirem. Entretanto, tal ferramenta é extremamente prejudicial quando utilizada de forma indevida no ambiente de trabalho.

Ficar constantemente conectado atrapalha o desempenho de qualquer um, já que um simples acesso para ver um vídeo de filhotes de cachorro pode ser tornar uma interminável jornada pela linha do tempo de seus amigos.

Use a hora do almoço ou o intervalo para o café para checar suas redes sociais e evite ao máximo utilizá-las em horários desnecessários.

2. Ser desorganizado

Em qualquer questão de sua vida, a organização é essencial e no ambiente profissional não poderia ser diferente. A desorganização é um comportamento que atrapalha sua carreira e deve ser evitada a todo custo.

Mantenha seu local de trabalho sempre limpo e organize corretamente seus arquivos no computador, desse modo, é possível acessá-los rapidamente quando necessitar. Prepare seu local de trabalho a fim de aumentar sua produtividade.

3. Tentar ser multitarefa

O ambiente de trabalho exige, em alguns momentos, que os colaboradores de uma empresa realizem várias tarefas ao mesmo tempo. Essa cultura instaurada atualmente pode funcionar para alguns, mas a maioria das pessoas não consegue trabalhar assim.

É melhor realizar uma tarefa com precisão e maestria do que fazer várias ao mesmo tempo com um desempenho pior. Converse com seu supervisor e com sua equipe para encontrar uma forma de trabalho adequada para que cada um possa dar o seu melhor.

4. Checar o e-mail várias vezes

Por meio de tecnologias como o e-mail, é possível se comunicar com facilidade com qualquer um em nosso planeta. Tal fato é positivo para a interação entre funcionários e setores de uma empresa que não se encontram em um mesmo local fisicamente, mas esse recurso deve ser usado com cautela.

Verificar constantemente sua caixa de e-mails afeta sua rotina de trabalho, já que, a todo momento, sua atenção será direcionada para algum assunto diferente ao receber alguma correspondência eletrônica.

Quando houver urgência em receber alguma resposta ou notificação, configure seu portal para enviá-lo um aviso caso você os receba. Em situações comuns, estipule horários para checar seu e-mail e verificar se há algo de novo.

Baixe agora

5. Usar a internet de forma desnecessária

A internet é uma ferramenta extremamente útil em nossa sociedade. Por meio dela, é possível descobrir, em instantes, o que está acontecendo do outro lado do mundo e até mesmo encontrar aquela promoção que você tanto esperava.

A internet também pode ser usada como um meio de trabalho para pesquisas e na descoberta de novos fornecedores para uma empresa, mas, assim como as redes sociais, seu uso deve ser controlado.

Evite entrar no mundo virtual desnecessariamente e use-o apenas quando não houver outra opção. Qualquer desvio de atenção é ruim para a manutenção e a melhoria de sua produtividade.

6. Não realizar intervalos

A frase “tempo é dinheiro” ainda dita muitas tendências nos tempos atuais, porém, precisa ser utilizada com cuidado. Muitos acreditam que realizar longas jornadas de trabalho é a melhor forma de aumentar a produtividade de uma empresa.

Porém, realizar pequenos intervalos durante seu dia a dia de trabalho pode ser crucial na obtenção de resultados melhores. Use esse tempo para alongar seu corpo, beber um pouco de água, ir ao banheiro e até mesmo respirar um pouco de ar fresco.

Siga algum dos exemplos acima quando se sentir sem saída e não conseguir pensar em uma solução para algum problema profissional. Espaireça sua mente e volte renovado para seu local de trabalho, que tudo ocorrerá naturalmente.

7. Procrastinar

A procrastinação é o ato de adiar a realização de uma tarefa sem um motivo em especial. No ambiente de trabalho, tal atitude pode gerar atrasos de cronogramas, não cumprimento de metas e a diminuição de produtividade de um funcionário.

Em uma empresa, geralmente, todos os processos e setores estão interligados e todas as partes interessadas dependem umas das outras. Realizar uma atividade o quanto antes, significa liberar outras etapas para seu colega de trabalho.

Um profissional responsável sempre faz aquilo que lhe é exigido e cobrado. Este nunca posterga suas funções e sempre está em dia com o planejamento da empresa em que trabalha.

A famosa expressão “deixar para depois” deve ser evitada a todo custo.

8. Sempre dizer sim

Em um ambiente de trabalho, é normal e corriqueiro que alguns colegas peçam sua ajuda para realizar alguma tarefa. Ajudar alguém é uma atitude nobre, porém, sempre coloque suas responsabilidades em primeiro lugar.

Tente ser educado e diga que você pode ajudá-lo, mas apenas depois de terminar seu serviço.

9. Parar de estudar

A todo momento, novas técnicas e tecnologias são desenvolvidas em nossa sociedade. Um profissional que quer garantir seu lugar no mercado de trabalho precisa manter-se atualizado em relação a isso.

Novos programas e softwares sempre são lançados e, hoje em dia, aqueles que sabem manuseá-los e utilizá-los corretamente, saem na frente de seus concorrentes. Busque por cursos preparatórios e esteja pronto para dar o seu melhor no ambiente de trabalho.

Um profissional, apesar de graduado, nunca deve ficar afastado por muito tempo do mundo acadêmico e dos estudos. Portanto, você pode utilizar os cursos de pós-graduação como uma forma de continuar a estudar.

Voltar a estudar pode ser a peça que faltava no quebra-cabeça na busca de um novo emprego ou até mesmo para conseguir um aumento salarial em sua empresa. Pesquise como esses cursos funcionam e encontre um que atenda às suas necessidades.

E então, descobriu como aumentar a produtividade no ambiente de trabalho? Tem alguma outra dica? Conta para a gente no espaço abaixo!

Acessar material

pós-graduação

Fábio Albuquerque

Fábio Albuquerque

Pró-Reitor da Pós-graduação do Unipê. Mestre em Administração pelo Programa de Pós-graduação em Administração da Universidade da Paraíba, Especialista em Estratégia Empresarial e Pesquisador de Marketing, Consumo e Sociedade, além de Tecnologia da Informação e Sociedade.

ÚLTIMOS POSTS

ASSINE A NEWS

VÍDEOS

ACOMPANHE O UNIPÊ

REDE SOCIAIS