Blog Pós-graduação UNIPÊ

BLOG PÓS-GRADUAÇÃO UNIPÊ

7 razões pelas quais você deve considerar fazer uma pós em engenharia

Postado por Fábio Albuquerque

Para atender as exigências que o mercado de trabalho impõe hoje, muitos profissionais buscam aprimorar seus conhecimentos cada vez mais. Afinal, uma especialização pode trazer diferenciais importantes, como aprender conteúdos voltados para a aplicação no dia a dia, matrizes curriculares atualizadas e uma formação com foco ainda maior no mercado de trabalho.

Devido a crise enfrentada pelo país, a área de Engenharia também enfrenta uma recessão econômica. Felizmente, porém, há uma tendência de que esse cenário mude significativamente em médio prazo, apresentando novas perspectivas.

Você está considerando fazer uma pós em Engenharia? Confira as 7 principais razões para ter sucesso nesse caminho!

7-razoes-pelas-quais-voce-deve-considerar-fazer-uma-pos-em-engenharia.jpg

1. Currículo mais competitivo no mercado

Esse é um dos principais fatores para escolher uma pós em Engenharia. Afinal, a área em si é fundamental na sociedade.

Especializar-se em uma profissão que possui grande demanda é ter um diferencial perante os demais concorrentes a uma mesma vaga de emprego. Caso você já atue na área, fazer uma pós pode proporcionar uma alavancada na carreira e um poder maior de decisão frente a um projeto.

Esse pode ser um fator considerável na hora de conseguir o trabalho que você tanto almejou na vida e até mesmo obter oportunidades fora do Brasil, em países como Alemanha e Canadá.

2. Oferta de conteúdos mais amplos

Quando se está na faculdade cursando uma graduação, os estudantes já experimentam aquela sensação de que o nível de conhecimento vai expandido gradativamente. Na pós, essa sensação torna-se exponencial, e o índice de complexidade é maior.

Na especialização em Gestão e Desempenho de Edificações, por exemplo, o graduado em Engenharia terá como matriz curricular os seguintes assuntos:

  • Planejamento de obras com o Ms-Project;
  • Viabilidade econômica para Implantação de Projetos de Engenharia;
  • Durabilidade e Manifestações Patológicas das Edificações;
  • Desempenho de Estruturas Metálicas e de madeira;
  • Desempenho em Sistemas de Impermeabilização;
  • Desempenho dos sistemas prediais hidráulico-sanitários;
  • Práticas construtivas para desempenho acústico, térmico e energético em edificações;
  • Metodologia do trabalho científico;
  • Entre outras disciplinas.

Baixe agora

3. Mais atualização da área

É imprescindível para um profissional que procure se atualizar referente aos novos processos dentro da carreira, notícias e novidades técnicas.

As pessoas que resolvem investir em uma pós podem ter um cabedal de conhecimento que não havia aprendido antes na graduação e que, durante o dia a dia, fará a diferença no segmento que atua. Serão desenvolvidas habilidades práticas que auxiliarão a gerir as mais variadas tendências do mercado.

Será consequência se tornar especialista no que faz para ter propriedade das decisões e ações diante de uma obra a ser realizada no campo da Engenharia. Essa especialização atrai reconhecimento e um know-how no mercado.

4. Desenvolvimento de networking

O networking é uma peça-chave para a evolução profissional, independentemente de qual área seja. Uma boa rede de contatos pode abrir portas antes jamais imaginadas e tornar-se uma ótima ferramenta para troca de experiências e informações.

Naturalmente, esse processo é uma via de mão dupla, em que todos saem ganhando de alguma forma. É importante ampliar sua rede de amigos acerca da profissão, participando de eventos como workshops ou congressos, trabalhando em projetos voluntários, entre outras formas.

O contato com o corpo docente da universidade pode trazer muitos frutos vindouros também, pois muitos professores possuem vasta experiência de mercado e influência invejável.

5. Aumento da remuneração

Uma pesquisa encomendada pela empresa Catho Online mostra que graduados que resolvem investir em um curso de pós-graduação podem alcançar valores de salário 70% a mais do que aqueles que ficam apenas no básico.

Claro que só o título acadêmico em si não é garantia, pois outros fatores devem ser levados em consideração, como a facilidade de trabalhar em grupo, comprometimento e inteligência emocional. Entretanto, ampliar os conhecimentos na área de Engenharia pode caracterizar uma mudança significativa na forma como os chefes encaram aquele funcionário.

Organizar um bom projeto financeiro dentro do lar passa por várias decisões, dentre elas fazer uma pós é a maneira mais eficiente de cumprir com as metas salariais que pretende alcançar. Quanto mais valorizado estiver o currículo, a probabilidade de obter salários de acordo com as competências que exerce será maior.

7-razoes-pelas-quais-voce-deve-considerar-fazer-uma-pos-em-engenharia.gif

6. Construção de um perfil empreendedor

Não há nada mais gratificante do que ter a liberdade de não precisar delegar suas capacidades de trabalho para pessoas com cargos superiores, não é mesmo?

O empreendedorismo no mercado de Engenharia tem se desenvolvido cada vez mais devido à demanda que a profissão dispõe. É importante que antes de começar a “colocar a mão na massa”, os profissionais possam ter noções de Gestão e Administração, pois fará a diferença na hora de constituir uma empresa ou projeto.

Propor soluções plausíveis para os desafios de infraestrutura que o nosso país enfrenta, seja em mobilidade, saneamento básico, edificações e demais pontos, são recursos fundamentais para engenheiros empreendedores.

7. Reconhecimento pessoal e profissional

Esse é um ponto que mexe muito com o brio do profissional, que é ter a valorização do seu potencial. Como já foi dito, o mercado de trabalho está enxuto e necessitando de mão de obra especializada.

Quanto maior o grau de instrução que possui com relação a uma área, maior será o reconhecimento das suas aptidões acerca da função e a pessoa tende a ser vista com outros olhos pelos superiores.

A conquista pessoal de ver um trabalho sendo desenvolvido e de outras pessoas no mesmo ramo de atuação se espelhando em você é uma sensação indescritível e gratificante depois de tantos anos de estudo com afinco.

É importante agarrar algumas oportunidades promissoras e procurar extrair o máximo de conhecimento e benefícios que um curso pode agregar. Fazer uma especialização é apresentar um diferencial perante o mercado de trabalho e, com o decorrer do tempo, conquistar a estabilidade salarial que toda pessoa deseja.

Veja que cada razão abordada se interliga e constitui um argumento necessário para que sua decisão seja a melhor possível.

Agora que você já está por dentro dos principais motivos para fazer uma pós em Engenharia, o segredo é ter empenho e foco para se dar bem. Gostou das nossas dicas? Deixe seu comentário aqui no post e conte pra gente os seus planos para o futuro!

Acessar material

pós-graduação

Fábio Albuquerque

Fábio Albuquerque

Pró-Reitor da Pós-graduação do Unipê. Mestre em Administração pelo Programa de Pós-graduação em Administração da Universidade da Paraíba, Especialista em Estratégia Empresarial e Pesquisador de Marketing, Consumo e Sociedade, além de Tecnologia da Informação e Sociedade.

ASSINE A NEWS

VÍDEOS

ACOMPANHE O UNIPÊ

REDE SOCIAIS