BLOG DA GRADUAÇÃO

Quer transferir a faculdade? Veja tudo que você precisa saber

Quem não sonha em ser um profissional reconhecido no mercado? Realizar esse desejo demanda muito comprometimento e esforço. O processo de escolher uma profissão e encontrar o curso certo é desafiador e possui um grande impacto no futuro profissional.

Nessa hora, muitas dúvidas e inseguranças passam pela cabeça dos estudantes: como saber se a sua escolha foi certa? O que fazer no caso de mudar de ideia?

Fique tranquilo: se o curso escolhido não era aquilo que você imaginou ou se a qualidade do ensino deixou a desejar, você pode optar por transferir a faculdade.

Na hora de decidir o seu futuro, priorize aquilo que você sabe que é melhor para você. Dê preferência por universidades com excelentes notas no Ministério da Educação, infraestrutura completa, parceria com empresas destacadas no mercado, e convênios com universidades estrangeiras para realização de intercâmbios.

O sucesso profissional é resultado de muito esforço pessoal, mas a instituição de ensino superior pode facilitar essa jornada. Não tenha medo de fazer a transferência de faculdade se encontrar uma melhor opção: afinal, é o seu futuro que está em jogo. Confira algumas dicas que preparamos especialmente para você!quer-transferir-a-faculdade-veja-tudo-que-voce-precisa-saber.jpg

Financiamento acessível para os estudos

Um fator que afasta muitos candidatos das melhores universidades é o valor dos investimentos necessários. Antes de desistir de entrar em uma universidade de destaque, pesquise sobre oportunidades de bolsas de estudo e financiamento estudantil.

Duas das opções mais procuradas são o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) e o PRAVALER. O FIES é uma iniciativa do Governo Federal para ampliar o acesso à educação superior.

Entre suas vantagens estão: juros reduzidos, pagamento somente após a formação e financiamento de 50% a 100% do curso.

Já o PRAVALER é um programa de financiamento privado da Ideal Invest, que também apresenta atrativos como juros baixos e amplo prazo para pagamento.

Para saber mais, leia o e-book Guia Definitivo sobre Financiamento Estudantil, disponível gratuitamente.

Preparação eficiente para o processo seletivo

Os processos seletivos para universidades de ponta exigem uma boa preparação dos candidatos, pois são mais concorridos.

Muitas instituições aceitam o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) como forma de ingresso, mas outras preferem aplicar vestibulares próprios e/ou provas específicas. Invista nos estudos para tais avaliações: elas podem ser a porta de entrada para a universidade dos seus sonhos. Elabore um plano de estudo e siga-o à risca.

Além do vestibular tradicional e da prova do ENEM, existem outras formas de ingresso nas universidades. A transferência e a segunda graduação possuem um procedimento diferenciado, por exemplo. Nesses casos, normalmente é aplicada uma prova de conhecimentos específicos sobre o curso que se deseja iniciar ou continuar.

Procure pelas informações essenciais sobre a forma de ingresso pretendida no site da instituição. Se considerar necessário, não hesite em entrar em contato ou ir até a secretaria para tirar suas dúvidas.

New Call-to-action

Escolher o curso certo para o seu perfil

Escolher a profissão é uma das decisões mais sérias que tomamos. Investimos anos de nossas vidas no trabalho, portanto sentir realização e satisfação com as conquistas profissionais é condição indispensável para alcançarmos sucesso e felicidade.

Estar indeciso é comum, no entanto: muitos estudantes não descobrem logo de cara a carreira mais adequada para seu perfil. O importante é ser honesto consigo mesmo e não deixar a vontade de familiares ou simplesmente a expectativa de retorno financeiro falarem mais alto.

O mais indicado nessas horas é procurar um bom teste vocacional para fornecer as primeiras diretrizes. Com o resultado desse teste você terá uma visão geral de quais áreas são mais compatíveis com sua personalidade.

Em seguida, pesquise sobre cada uma dessas carreiras individualmente. Navegue pela grade de disciplinas dos cursos, procure informações relevantes em blogs de profissões e participe de comunidades especializadas online para tirar qualquer dúvida em sua mente.

Finalmente, depois de realizar uma pesquisa intensa sobre cada profissão indicada no teste vocacional, encontre aquela que mais chamou sua atenção.

Considere as principais atividades dos profissionais da área, as cidades e regiões com melhores oportunidades de emprego na carreira e sua afinidade com as disciplinas principais da grade do curso.

Se depois de todo esse processo você perceber que está no curso errado, não perca a calma. Confira abaixo os procedimentos necessários para transferir a faculdade:

Passo a passo para transferir a faculdade

1.  Disponibilidade de vagas

O primeiro passo para quem deseja transferir a faculdade é verificar se existem vagas disponíveis no curso da universidade para qual deseja-se a transferência.

Também é importante verificar se existe alguma restrição em relação à porcentagem do curso já concluída até o momento da transferência.

Caso você já tenha cumprido mais do que o limite, uma alternativa é concluir o curso iniciado e pesquisar oportunidades de pós-graduação na universidade.

quer-transferir-a-faculdade-veja-tudo-que-voce-precisa-saber.gif

2. Organizar os documentos

Reúna seus documentos, solicitando na secretaria do curso de origem o que for necessário. Certifique-se de ter:

  • Documento de identidade;
  • Comprovante de residência;
  • Comprovante do resultado no processo seletivo da instituição de origem;
  • Ementa das disciplinas cursadas;
  • Histórico escolar, constando as notas obtidas;
  • Identidade do responsável financeiro, se for o caso.

Informe-se na secretaria da instituição de destino se outros documentos além destes são necessários. Envie toda documentação, seja presencialmente ou via internet, e aguarde a avaliação da sua solicitação.

3. Prova de conhecimentos específicos

Em alguns casos, é necessária a realização de uma prova de conhecimentos específicos para ingresso via transferência ou segunda graduação.

Esse procedimento é importante para verificar o nível em que se encontra o estudante e se ele responde ao grau dos demais estudantes da universidade.

Se você realizou a prova do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (ENADE), comunique a secretaria e informe a nota obtida: isso pode ajudar no processo de ingresso.

4. Matrícula e adaptação à nova grade

Na hora da matrícula, verifique quais foram as disciplinas aproveitadas do curso de origem. Analise a grade do novo curso e programe-se para completar todas as matérias. Questione na secretaria sobre a possibilidade de utilização das disciplinas não aproveitadas para suprir a carga de horas extracurriculares.

Verifique também a existência de disciplinas equivalentes em outros cursos que se encaixem no seu horário. Dessa forma, você evita atrasos decorrentes da transferência no tempo para formatura.

Viu? Transferir a faculdade não é tão complicado assim. Uma universidade de qualidade te coloca em destaque no mercado de trabalho e abre muitas portas para o seu futuro, vale a pena esse investimento. Para mais dicas como essas, curta a nossa página no Facebook e acompanhe novas postagens!

New Call-to-action

Transferência, Institucional

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia Pereira Medeiros da Fonseca é reitora do Centro Universitário de João Pessoa - Unipê. Doutora em Ciência da Informação pela Universidade de Maryland-EUA, exerceu cargo de Chefe de Arquitetura de Informação (Chief Information Architect) e Gerente do Departamento de Gestão da Informação do Banco Mundial. Possui experiência em negociação e cooperação internacional na área de projetos de informação com agências multilaterais e bilaterais, administrando programas relacionados à análise e ao apoio de projetos científicos e tecnológicos.