BLOG DA GRADUAÇÃO

Qual o perfil do profissional de ciências contábeis?

Uma coisa é certa: a presença do contador nas organizações é fundamental. Auxiliando o administrador a registrar transações, ele é mesmo um dos grandes aliados na gestão das empresas. Mas o perfil do profissional de ciências contábeis engloba mais do que isso.

De fato, a contabilidade é uma das carreiras que mais emprega profissionais no mundo todo — mesmo em tempos de crise. Por isso, se você gosta de finanças e acha que tem o perfil do contador, vale a pena considerar a possibilidade de fazer o curso de ciências contábeis.

E aí, quer saber mais sobre essa profissão promissora e descobrir se tem perfil para segui-la? Então, continue acompanhando esse post!

qual-o-perfil-do-profissional-de-ciencias-contabeis-1.jpg

Como é o curso de Ciências Contábeis?

Apesar de muita gente relacionar a contabilidade apenas com as finanças de uma organização, o curso não se limita a esse tipo de função. Além de gerir despesas e receitas, o contador controla e registra os lucros e ainda é capaz de fazer uma leitura do cenário econômico para assessorar os dirigentes das empresas.

Aliás, por ser uma área tão abrangente, é comum que os estudantes aprendam conhecimentos de outras profissões para desenvolverem bem o seu papel. A seguir, vejamos algumas das principais disciplinas do curso:

  • Sociedade e Cultura;
  • Empreendedorismo;
  • Economia;
  • Modelos de Gestão;
  • Matemática para Negócios;
  • Contabilidade;
  • Gestão Tributária;
  • Auditoria;
  • Gestão de Projetos;
  • Direito Empresarial;
  • Estatística;
  • Contabilidade Comercial.

E essas são apenas algumas das matérias do curso, que é do tipo bacharelado e tem duração de 4 a 5 anos. Além delas, para a obtenção do diploma é necessário elaborar um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) e fazer o estágio obrigatório.

Baixar ebook

Quais são as áreas de atuação?

Como você percebeu, o curso possui disciplinas bem variadas. Isso permite que o contador tenha um vasto campo de atuação e atenda a vários setores do mercado. Dentre as principais áreas, podemos citar:

1. Auditoria

Essa é uma área que está em constante crescimento atualmente. Em suma, o auditor contábil é responsável pela análise detalhada da aplicação de recursos financeiros. E essa avaliação vai desde a identificação de falhas no uso do dinheiro até da forma como esses recursos são utilizados.

2. Perícia Contábil

Geralmente, esse profissional é acionado por um juiz ou por umas das partes de um processo judiciário para atuar em uma questão específica. Seu objetivo é fazer uma avaliação diagnóstica, que pode comprovar má utilização ou desvio de recursos.

3. Contabilidade Geral

Todas as responsabilidades de cunho fiscal e tributário de uma empresa, grosso modo, são obrigações do contador geral. Ele vai, dentre outras coisas, analisar e elaborar balanços contábeis, além de coordenar todo o processo de legalização da atuação de uma empresa — seja de produtos ou de serviços.

4. Ensino

Também é possível atuar no sistema de ensino lecionando disciplinas relacionadas à área de finanças. Essa, inclusive, pode ser uma boa ideia para quem se imagina em sala de aula, compartilhando o conhecimento que adquiriu. O trabalho consiste em preparar aulas, tirar dúvidas, avaliar e orientar alunos, dentre outras tarefas típicas da licenciatura.

5. Consultoria financeira

Esse é o caminho perfeito para aqueles que desejam empreender! Trabalhar por conta própria como contador pode ser uma boa ideia se você tem perfil para ser dono do próprio negócio. Como consultor, você pode atuar em empresas privadas, instituições governamentais e até em casos pessoais.

Qual é o perfil do contador?

Como você já deve imaginar, ter afinidade com números não é a única habilidade que um bom contador deve ter. É claro que é fundamental gostar de matemática e finanças, mas não é só disso que vive um bom contabilista.

perfil-do-contador.gif

Para se sair bem nessa profissão, é necessário ter outras competências e aptidões. Vejamos, então, quais são as principais delas:

1. Organização

A rotina de um contabilista requer o máximo de organização possível, por isso, essa é uma aptidão desejável no futuro profissional. E, quando falamos em organização, isso vai desde as planilhas até a própria mesa de trabalho. Afinal, com tanta informação para ser analisada diariamente, saber onde encontrá-las já é um grande passo.

2. Habilidade com números

Essa é óbvia, não é mesmo? É difícil imaginar uma pessoa bem-sucedida nessa profissão que não tenha habilidade com números e finanças. Não que você precise, necessariamente, ser o melhor aluno em matemática; mas espera-se, ao menos, que goste e tenha disposição para aprender.

3. Responsabilidade e ética

O exercício da profissão contábil se sustenta numa postura ética inquestionável dos seus profissionais. É preciso saber manter sigilo, ter competência, honra e, sobretudo, segurança para proporcionar informações de forma confiável. Inclusive, vale lembrar que a profissão é regulada pelo seu próprio Código de Ética.

Ainda assim — e independentemente disso — é essencial que a conduta pessoal do profissional seja idônea, de forma que ele possa atuar corretamente em qualquer situação.

4. Boa comunicação

Não é porque a contabilidade trabalha com números que a rotina desse profissional deve ser de isolamento. Foi-se o tempo em que as pessoas viam o contador como aquela pessoa atolada em uma mesa, fazendo planilhas e analisando vários papéis.

Na verdade, ele deve se comunicar bem com outros profissionais da empresa, seja com o administrador, com o pessoal de vendas e marketing, ou com fornecedores. Até porque o contabilista gerencia processos que são essenciais para todos esses setores.

5. Atualização constante

Para conseguir os melhores empregos e construir uma plano de carreira seguro, é imprescindível atualizar o currículo e se abrir constantemente para novos aprendizados. Afinal, com a competitividade cada vez mais presente no mercado, o profissional não pode ficar parado no tempo.

Nesse sentido, a participação em seminários, congressos e cursos, e até mesmo realizar uma pós-graduação, MBAs e especializações pode ser essencial para incrementar o perfil do contador. E te criará oportunidades, podendo melhorar o seu networking e te deixar por dentro das atualizações da área de ciências contábeis.

Por fim, além das habilidades descritas até aqui, não podemos deixar de comentar: ter boa argumentação, saber trabalhar em equipe, ter visão sistêmica e, é claro, saber lidar com pessoas.

E aí, gostou desse conteúdo? Agora que você já conhece o perfil do profissional de ciências contábeis e descobriu que pode ser um deles, não deixe de acompanhar nossas atualizações! Curta a nossa página no Facebook e fique por dentro das novidades.

Baixar ebook

Ciencias Contabeis

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia Pereira Medeiros da Fonseca é reitora do Centro Universitário de João Pessoa - Unipê. Doutora em Ciência da Informação pela Universidade de Maryland-EUA, exerceu cargo de Chefe de Arquitetura de Informação (Chief Information Architect) e Gerente do Departamento de Gestão da Informação do Banco Mundial. Possui experiência em negociação e cooperação internacional na área de projetos de informação com agências multilaterais e bilaterais, administrando programas relacionados à análise e ao apoio de projetos científicos e tecnológicos.