Engenharia de Produção

Quais são as principais áreas de atuação da engenharia de produção?

Mariana Brito
2018-12-31 10:16:00 GMT

Você sabe quais são as áreas de atuação da engenharia de produção? Adiantamos que o graduado encontra pela frente um caminho muito amplo devido a sua formação multidisciplinar. Ao longo da faculdade, o futuro engenheiro se depara com matemática, física, administração, psicologia e sociologia, além de uma boa base para a gestão de processos.

Com tanto conhecimento, a procura por ele no mercado de trabalho não poderia ser maior. Empresas de todos os portes e segmentos empregam o profissional para otimizar processos, cortar custos, aumentar a produtividade e a qualidade do trabalho. Se interessou e quer conhecer algumas das possibilidades de atuação? Continue com a gente!

quais-sao-as-principais-areas-de-atuacao-da-engenharia-de-producao

Logística

Ao investir na área de logística, o engenheiro de produção assume a responsabilidade de cuidar de questões envolvendo o transporte, a movimentação, o armazenamento e o estoque de produtos e insumos. O objetivo é reduzir custos, garantir a disponibilidade de mercadorias e atender às demandas do cliente.

O profissional preocupa-se em melhorar os processos que a empresa pratica e também garantir que todo o material produzido esteja disponível no momento em que for solicitado para a venda. Além disso, também é possível investir na otimização dos espaços físicos por meio da gestão eficiente do estoque.

Dependendo do porte da empresa, ainda há espaço para o desenvolvimento de ferramentas de pesquisa operacional, para buscar melhorias nos sistemas logísticos, e também na logística reversa, cujo objetivo é a distribuição do material descartado para o retorno de bens aproveitáveis ao ciclo produtivo.

Qualidade

Essa área permite que o engenheiro de produção desenvolva e utilize ferramentas, tanto qualitativas quanto quantitativas, com o propósito de controlar a qualidade de processos e produtos. Quem gosta de matemática encontra um prato cheio.

Entre as tarefas do especialista, estão incluídas a realização do controle estatístico do processo e a aplicação de ferramentas e conceitos voltados para a confiabilidade. Isso porque é necessário garantir que o material cumpra o seu propósito e deixe o cliente satisfeito com a compra.

Dentre os recursos usados no dia a dia do profissional de qualidade, podemos citar:

  • Fluxograma de Processo;

  • Diagrama de Ishikawa, também conhecido como Espinha de Peixe;

  • Diagrama de Pareto;

  • Histograma;

  • Cartas de Controle.

acessar material

Trabalho

Ao seguir pela área do trabalho, o engenheiro de produção dedica-se na implementação de uma rotina que garanta a maior produtividade sem perder a qualidade. Tudo isso seguindo um rigoroso método de segurança para que a saúde e a integridade física dos trabalhadores não sejam prejudicadas, tanto em curto quanto em longo prazo.

Como a vida dos funcionários é o que há de mais importante, as empresas, dependendo do grau de risco das tarefas e da quantidade de empregados, são obrigadas a manter um quadro de profissionais dedicados exclusivamente à saúde e segurança. Nesse sentido, é possível se especializar em engenharia de segurança do trabalho desenvolver ações preventivas.

Produto

Esse segmento envolve todas as ferramentas e processos indispensáveis ao desenvolvimento de novos produtos, partindo da concepção do item até chegar ao lançamento e à retirada dele do mercado pelo cliente. O engenheiro de produção poderá atuar também na adaptação para a melhoria de mercadorias já existentes. Afinal, as empresas precisam sempre se atualizar para conseguir conquistar mais público, não é mesmo?

As possibilidades são infinitas, já que o profissional poderá trabalhar diretamente em cada uma das etapas da produção (desde a idealização até o descarte dos produtos) ou estudar o mercado a fim de encontrar as melhores soluções para os consumidores. Pesquisar antes de agir é essencial, uma vez que isso permite planejar o processo de antemão e definir, inclusive, o que deve ser comprado para que a empresa consiga operar a todo vapor na confecção de novos itens.

Sustentabilidade

giphy

Todo mundo sabe que o impacto ambiental que o nosso planeta vem sofrendo nos últimos anos chegou a níveis alarmantes. O papel das indústrias nesse cenário não pode ser desconsiderado, não é mesmo? Pensando nisso, entidades governamentais no mundo dedicam-se a estabelecer normas para diminuir os danos causados ao meio ambiente, incluindo as comunidades que vivem próximas às grandes indústrias.

Nesse contexto, da mesma forma que nas questões de segurança, as companhias, dependendo do impacto ambiental que causam, precisam manter um grupo de funcionários especializados em certificação e gestão ambiental. Essa é mais uma oportunidade para o engenheiro de produção — sobretudo quem é super engajado com a natureza e o futuro do planeja.

Ao optar pelo caminho da sustentabilidade, o profissional deverá criar processos e produtos que atendam as normas ambientais, bem como garantir que as indústrias consigam as certificações em suas respectivas áreas para continuar operando. É necessário estar antenado para que a produção continue eficiente sem degradar a atmosfera, bem como colocar projetos em prática que tratem dos efluentes e dos resíduos industriais.

Organizacional

A área organizacional é perfeita para quem sempre sonhou em ser um homem ou uma mulher de negócios. Aqui, a rotina do profissional consiste em elaborar planejamentos estratégicos, avaliações de desempenho, gestão de projetos e aplicação de inovações. Para mandar bem, é indispensável que o engenheiro de produção seja um empreendedor nato.

Na rotina, o profissional precisará entender perfeitamente o processo e gerir a empresa de forma integrada, apoiando-se, muitas vezes, em um sistema de informação. Com o conhecimento global das atividades desempenhadas, ele sabe exatamente como determinada decisão poderá afetar a outra ponta da produção. Dessa forma, o executivo é capaz de agir com precisão. Quem segue por esse campo costuma ser admirado por suas habilidades e considerado peça fundamental do negócio.

No cenário de crise vivenciado pelo nosso país, as empresas, mais do que nunca, buscam por profissionais capazes de auxiliar na redução de custos e no aumento da eficiência produtiva. Por isso, o engenheiro de produção ainda encontra o mercado aquecido.

Qual das áreas de atuação da engenharia de produção tem mais a ver com você? Seja qual for a sua escolha, é importante levar os estudos a sério na faculdade e ficar de olho nas novidades que chegam diariamente às empresas. Com dedicação e esforço, você construirá uma carreira de muito sucesso. Nós apostamos nisso!

Quer saber mais sobre essa e muitas outras carreiras? Então, curta e nossa página no Facebook. Compartilhamos muitas novidades por lá!

New Call-to-action

Recém adicionados

Veja nossas últimas atualizações
Materiais Gratuitos