BLOG DA GRADUAÇÃO

O que faz um Gestor de Recursos Humanos?

Infelizmente, muitas pessoas ainda veem a profissão de Gestor de Recursos Humanos como uma chata, burocrática e arcaica. Por causa dessa visão equivocada, poucos jovens optam por se aventurar nessa carreira, o que acaba causando um enorme déficit de profissionais qualificados na área. Algumas empresas afirmam que costumam demorar até 5 meses para encontrar o candidato ideal.

De acordo com Carolina Duque, especialista em RH e ex-diretora da área na Embraer e na TAM: “O problema da formação de mão de obra especializada tem afetado muito o RH, pois as pessoas que assumem a gestão, em geral, vêm de outros segmentos, como psicologia e administração. Eles saem da faculdade sem saber quais são as reais funções da área”

Além das principais dúvidas que grande parte do profissionais de RH possuem ao concluir a graduação, a profissão ainda apresenta estereótipos que, ao invés de atrair, causam repulsa nos jovens em busca de uma carreira de sucesso. Para tentar desconstruir e explicar as atividades do gestor de RH, falaremos hoje sobre as atribuições desse importante profissional.

gestor de recursos humanos

Recrutamento e seleção

Não é à toa que toda organização precisa de um gestor de RH. Quando algum líder ou gestor solicita ao departamento de Recursos Humanos um novo colaborador, é função do profissional de RH coletar todos os dados sobre o cargo, o salário, a função e o perfil desejado deste candidato, alinhar essas informações com as referências do mercado, e, assim, criar e anunciar a vaga.

Pode parecer uma função simples e sem graça. Porém, o que você não sabe é que esse profissional, conhecido como Analista de Recrutamento e Seleção, precisa conhecer profundamente os valores da empresa para encontrar o candidato ideal. Além disso, é função desse analista, “stalkear” o Facebook, Twitter, Linkedin, Pinterest, Youtube e outras mídias para estudar o perfil dos candidatos e descobrir se os valores do mesmo são compatíveis com o da empresa.

Desenvolver testes psicológicos e operacionais, dinâmicas, processos seletivos e entrevistas mais inovadoras também são grandes atribuições desse profissional. Sem contar que, para atrair o melhores candidatos, o gestor de Recursos Humanos precisa saber “vender” bem a organização contratante e selecionar, com mais assertividade, os melhores canais para veicular a vaga.

Baixar ebook

 

Treinamento e Desenvolvimento

Depois de selecionar o candidato, a organização precisa receber e ambientar o profissional em sua estrutura. Isso significa que o gestor de Recursos Humanos terá que apresentar toda a empresa e os colegas de trabalho para esse novo colaborador. Muitas empresas nomeiam esse processo como Integração, ou seja, é um momento onde o novo funcionário conhece toda história, estrutura, os principais nomes/coordenadores, setores, ramais e cuidados dentro da empresa.

Para que essa atividade seja proveitosa tanto para os novos profissionais quanto para os antigos, o Analista de Treinamento precisa ser bem criativo e contar com o apoio do Técnico em Segurança do Trabalho para fixar os avisos e cuidados nos aprendizados desse novo profissional.

Além de ambientar o novo colaborador, o gestor de Recursos Humanos precisa delegar e auxiliar os líderes e gestores no treinamento desse profissional. E, ainda, acompanhar, sempre que possível, o desempenho do mesmo dentro da organização. Para isso, o profissional de RH precisa fazer um incrível trabalho de coach, ou seja, auxiliar, treinar, apoiar e orientar as competências e habilidades ainda não desenvolvidas nesse novo profissional. Seu trabalho nesse momento é estabelecer metas e criar métodos para incentivar os colaboradores para que os mesmos mostrem o seu potencial e vistam a camisa da organização.

Remuneração e benefícios

Quando um novo funcionário está prestes a ser contratado em uma empresa, é preciso que os contratantes calculem previamente os gastos necessários para manter esse profissional na organização. Essas tarefas são atribuídas ao gestor de RH, mais precisamente do Auxiliar de Folha de Pagamento ou Gerente de Administração Pessoal. São eles que realizam a gestão da remuneração do colaborador, assim como seus benefícios e gratificações.

Para trabalhar nessa área, o ideal é que o profissional de RH tenha muita facilidade e paixão pelos números, pois será necessário calcular as horas extras, programar e realizar o pagamento de férias e 13º, descontar os impostos, administrar o fundo de garantia dos trabalhadores, viabilizar ou não planos de saúde, empréstimos consignados, e muito mais.

Além de trabalhar diretamente com os números, o profissional responsável por remuneração e benefícios precisa constantemente lidar com fornecedores e sindicatos para garantir que todos os colaboradores recebam o que é seu por direito.

Cargos e salários

Agora que a empresa possui um novo integrante em seu quadro de funcionários, é hora de fazer um planejamento para o mesmo. Com quanto tempo ele receberá um aumento? Quais competências e habilidades ele precisará ter desenvolvido para receber esse aumento?

Para desempenhar esse papel com sucesso, o profissional responsável por desenvolvimento de carreira precisa conhecer a politica interna da organização quanto a aumentos e promoções. Por exemplo, a empresa leva em conta o tempo de serviços prestados, o número de qualificações - diplomas e certificados - ou o mérito do profissional nos projetos bem executados?

O principal objetivo do plano de carreiras é reter o talentos presentes na organização. Por isso, o tecnólogo em Gestão de RH precisa planejar de acordo com os interesses da empresa e do profissional, a melhor maneira de fazê-lo ascender dentro da empresa. Esse processo, além de motivar o colaboradores, diminui o número de desligamentos e aumenta a rotatividade dos funcionários dentro da própria empresa.

Mudou de ideia sobre a burocracia dessa profissão? E, de quebra, também tem várias ideias que possam melhorar ainda mais este mercado e esta profissão? Compartilhe conosco! E não deixe de conhecer o curso de Gestão de RH do Unipê, estamos com novas vagas para a turma de 2016. Corra para se inscrever e não perca essa oportunidade!

Baixar ebook

Gestao de Recursos Humanos

Jane Kelly Batista Ramalho

Jane Kelly Batista Ramalho

Jane Kelly é organizada, determinada e muito responsável. Formou-se em 2011 pela Universidade Federal da Paraíba. É jovem e vibrou bastante quando conseguiu concluir o mestrado antes da data prevista. Atualmente é coordenadora do curso de Ciências Contábeis e Gestão de Recursos Humanos no Unipê. É apaixonada por seus estudos, sua carreira e handebol de quadra.