BLOG DA GRADUAÇÃO

Guia: o perfil do profissional de Administração

A administração, em um sentido amplo, nada mais é do que o ato de administrar determinadas situações, nas quais um grupo de pessoas trabalha em busca de um objetivo, utilizando determinados recursos. Porém, é claro que, na prática, as coisas são um pouquinho mais complexas.

Um bom administrador deve ser capaz de planejar, organizar, controlar, coordenar e comandar as mais diversas áreas, funções e departamentos de uma empresa. Como para qualquer outra profissão, para alcançar o sucesso como um profissional de Administração são exigidas determinadas habilidades e competências. Ou seja, quem deseja ser um administrador necessita ter — ou desenvolver — o perfil do profissional de Administração.

Você tem vontade de se tornar um administrador, mas não tem certeza se tem o perfil adequado para essa profissão? Então o nosso post de hoje foi feito para você! Continue a leitura e saiba mais sobre a carreira em Administração e descubra mais sobre o perfil do profissional dessa área! Vamos lá?

guia-o-perfil-do-profissional-de-administracao.jpg

O que se aprende durante a graduação em Administração?

Todo bom profissional, seja de qual área for, inicia sua caminhada rumo ao sucesso na carreira cursando uma graduação, não é mesmo? Com o administrador não é diferente. É durante o período da graduação que o aluno adquire a base de todo o conhecimento técnico da profissão e começa a descobrir quais os ramos de atuação profissional com os quais mais se identifica.

Justamente em função de a área de atuação de um administrador ser muito ampla — é possível trabalhar com marketing, recursos humanos, finanças, logística, produção, vendas, etc —, os conteúdos abordados durante a graduação são também numerosos e diversos. Durante os 4 anos (em média) em que você estiver na faculdade, você cursará tanto matérias da área de humanas, como psicologia, sociologia e marketing, quanto da área de exatas, como matemática, cálculo, estatística e finanças.

Além disso, durante o curso também são abordados assuntos referentes à gestão (de pessoas, financeira, logística, etc), empreendedorismo e técnicas de administração de empresas. Então, como você já deve ter percebido, ao sair da faculdade, o administrador recém-formado possui uma base teórica bastante abrangente sobre como conduzir com excelência os mais diversos setores de uma empresa, não é mesmo?

Entretanto, basear-se apenas nos conhecimentos teóricos pode não ser uma boa ideia. Os empregadores geralmente dão preferência a pessoas com um mínimo de experiência prática na hora de escolher um candidato para uma vaga de administrador.

Por isso, se você deseja cursar Administração, comece desde já a se planejar para buscar estágios e atividades nas quais você possa exercer e praticar tudo o que aprendeu em sala de aula. Acredite, isso conta pontos no seu currículo e pode fazer uma grande diferença na hora de entrar com tudo no mercado de trabalho.

Como é o mercado de trabalho e o ramo de atuação para um administrador?

Apesar da crise econômica atual e do aumento dos índices de desemprego no Brasil, o mercado de trabalho continua aquecido para os administradores e a tendência é que o cenário continue estável nesse sentido. Boa notícia para quem deseja seguir a profissão, não é?

Por ser um profissional capaz de trabalhar em empresas de todos os portes e pertencentes aos mais diversos ramos de atuação, sempre há vagas disponíveis para os administradores. Enquanto existirem empresas, existirão oportunidades. Ou seja, tudo indica que o cenário continuará favorável para esses profissionais.

Um levantamento online feito com mais de 20 mil profissionais da área de Administração, realizado pelo Conselho Federal de Administração (CFA), em parceria com a FIA, no ano de 2011, mostrou que 85% dos profissionais que responderam à pesquisa trabalham em empresas da área de serviços em geral, indústria, comércio varejista, consultoria empresarial, instituições financeiras e serviços hospitalares e de saúde.

Esses resultados demonstram o quão abrangentes e diversificadas são as opções de atuação profissional para administradores. A mesma pesquisa também demonstrou as tendências da profissão para os próximos anos, com os setores de serviços, administração pública direta e indireta e indústria como os mais promissores para a contratação de administradores.

A área de consultoria empresarial para pequenas e médias empresas também se destacou como uma boa oportunidade para futuros profissionais. Assim, dá para perceber que as oportunidades e possibilidades para pessoas formadas em Administração são muitas, não é mesmo?

E quanto à remuneração? Quanto ganha um administrador? A resposta para essa pergunta depende muito do tipo e do tamanho da empresa contratante, da região do Brasil e do currículo e experiência do profissional. Porém, em média, um administrador ganha 9,75 salários mínimos.

Qual é o perfil do profissional de Administração?

Agora que você já sabe mais detalhes sobre a formação acadêmica e a área de atuação do profissional de Administração, sua vontade de seguir os caminhos dessa profissão aumentaram? Você acha que ela tem tudo a ver com você? Ótimo!

Antes de se matricular em uma graduação, porém, é necessário saber também se você possui o perfil adequado para desempenhar suas atividades profissionais com excelência.

Afinal, apesar de os conhecimentos técnicos e teóricos adquiridos durante a graduação serem superimportantes em sua formação profissional, são necessárias também algumas habilidades e características específicas para que você possa, realmente, se destacar como um bom administrador.

Listamos, abaixo, 12 competências que todo bom profissional de Administração possui. Continue a leitura e confira!

1. Tem habilidade com números

Ok, essa é básica. Por mais que a profissão de administrador abranja diversos aspectos relacionados a conhecimentos de comportamento humano e relações entre pessoas, o bom profissional da área tem, necessariamente, afinidade com números e cálculos.

Já durante a graduação você terá muitas matérias relacionadas a esse assunto e, depois de formado, terá que dominar o assunto para que possa administrar e gerir com excelência questões relacionadas a finanças, planejamento financeiro, fluxo de caixa, investimentos financeiros, análise de mercado e indicadores econômicos. Ou seja, tudo que seja relevante e essencial para a boa gestão financeira de uma empresa.

Claro, não é obrigatório ser um expert na área de exatas para ser um bom administrador, mas se números não forem o seu forte, trate de estudar bastante para se aprimorar nessa área. É importante ter, no mínimo, os conhecimentos básicos.

2. Está em constante aprendizado e atualização

O levantamento realizado pelo Conselho Federal de Administração citado acima revelou que nada menos do que 75,33% dos profissionais da área que responderam ao questionário online possuem algum tipo de especialização. Mais do que isso, todos relataram que pretendem continuar seu aprendizado e atualização nas variadas áreas da Administração.

Isso acontece porque, justamente por ser um curso bastante abrangente, alguns conteúdos e assuntos não são abordados de maneira aprofundada durante a graduação. Assim, ao escolher em que área da profissão você deseja trabalhar, é imprescindível que você procure saber mais sobre o assunto, através de cursos de pós-graduação, MBAs e especializações. Acredite, o mercado de trabalho cobra bastante isso.

Além disso, por ser um mercado bastante dinâmico e acelerado, com diversas novidades surgindo a todo o momento, o bom administrador deve estar sempre atualizado e alinhado com as novas tendências que aparecem. Nesse sentido, participar de workshops, palestras, conferências e congressos da área, sempre que possível, é superimportante.

É durante esses eventos que são apresentadas as principais novidades do setor. De quebra, participar desses encontros é uma ótima maneira de ampliar seu networking e ficar sabendo de boas oportunidades.

3. É comunicativo

Muitas vezes o administrador é contratado por uma empresa com o objetivo de coordenar e liderar uma equipe de funcionários. Nesse sentido, saber comunicar-se de maneira clara e adequada é essencial, não é mesmo? Além disso, em diversas ocasiões o profissional de Administração é o responsável por realizar a comunicação entre os diversos setores e departamentos de uma empresa, a fim de alinhar as estratégias e fazer com que tudo flua conforme o planejado.

Ademais, palestras, reuniões e apresentações de resultados e indicadores são atividades corriqueiras na rotina de um administrador. Por isso, ser comunicativo é uma característica essencial desse profissional.

4. Sabe trabalhar em equipe

Como dissemos no item acima, muitas vezes o administrador é o responsável por liderar uma equipe. Nesse caso, saber como fazer isso com excelência é fundamental. Pessoas que possuem dificuldades em aceitar ideias alheias e de escutar atentamente o que os outros membros da equipe têm a dizer acabam colocando obstáculos que impedem o bom desenvolvimento do trabalho do time.

Da mesma maneira, não saber delegar tarefas e responsabilidades, não elogiar e reconhecer o trabalho dos membros, bem como não saber gerir conflitos e contornar dificuldades podem fazer com que todo o trabalho do grupo seja prejudicado.

Para trabalhar bem em equipe são necessárias boas doses de jogo de cintura e flexibilidade, bem como altas quantidades de empatia (saber se colocar no lugar do outro e conseguir entender, assim, seus sentimentos e atitudes). Pessoas muito autoritárias, exigentes e que acham que ninguém é tão bom quanto elas mesmas, definitivamente, não sabem trabalhar em equipe.

Baixar ebook

5. Possui visão sistêmica

Como você já sabe, um administrador pode trabalhar em quase todos os departamentos de uma empresa: marketing, logística, recursos humanos, vendas, financeiro, produção, etc. Mas o que você talvez ainda não tenha se dado conta é de que, independente do setor em que o profissional de Administração for trabalhar, ele necessitará ter uma visão sistêmica de toda a empresa.

Afinal, ele provavelmente será o responsável por fazer a comunicação e a ligação do setor onde trabalha com os demais setores da companhia. Assim, é necessário que ele saiba como tudo funciona, de uma maneira ampla.

Obviamente, é impossível que se saiba todos os pormenores da administração financeira da empresa se você trabalhar na área de marketing, por exemplo. No entanto, saber como as ações de marketing impactam nos ganhos financeiros da empresa e conseguir identificar as consequências de um marketing ruim para o faturamento da companhia são exemplos do que é possuir visão sistêmica.

6. É um bom líder

Já citamos aqui a importância de saber trabalhar bem em equipe para ser um bom administrador, certo? Entretanto, se o cargo do profissional for, especificamente, liderar um grupo de pessoas, as características de um bom líder também devem estar presentes em suas atitudes.

O que configura um bom líder, afinal? Saber motivar e incentivar as pessoas da maneira correta é um bom exemplo. Membros motivados tendem a ser mais produtivos no trabalho e a alcançar melhores resultados para o time.

O líder também precisa ser um exemplo para os seus liderados. Afinal, como você poderá exigir comprometimento de sua equipe se você mesmo chega atrasado ao trabalho todos os dias ou nunca parece motivado para exercer suas atividades?

Por fim, um bom líder estimula seus liderados a buscar sempre o sucesso e o aprimoramento de suas carreiras. Ou seja, líderes não têm medo da concorrência e possuem papel crucial na formação de outros líderes. Compartilhar seu conhecimento e sua experiência com outras pessoas é o ponto principal — isso distingue os bons dos maus líderes.

7. É ético

Citando uma vez mais a pesquisa realizada pelo CFA, a atitude mais valorizada pelos profissionais de Administração é o comportamento ético. Um profissional mal-intencionado, que “pisa” em outros colegas para ascender na profissão (a clássica “puxada de tapete"), rouba ideias de colegas e apresenta à chefia como se fossem suas, que faz fofocas no ambiente de trabalho, e que mente ou omite informações importantes, é bastante mal visto dentro dessa área de atuação.

Por isso, se você deseja construir uma carreira de sucesso, trate de baseá-la em conceitos éticos e profissionais, viu? Esforce-se para ser sempre o melhor que pode ser, mas sem “atropelar” nem prejudicar ninguém no caminho, certo? Boas atitudes são recompensadas, acredite.

8. Sabe argumentar

O administrador terá que saber defender suas ideias e planejamentos com frequência. Especialmente se o profissional trabalha em uma empresa mais fechada a inovações ou a ideias diferentes, propor novidades pode ser um desafio e tanto. Então, saber argumentar com excelência é uma ótima carta na manga e pode trazer muitos benefícios.

Quando você domina a arte de apresentar linhas de raciocínio e ideias de maneira coerente e conectada, suportando as informações que você está dando com dados reais e palpáveis e dando exemplos práticos, suas chances de obter êxito aumentam de maneira significativa.

Não é apenas na hora de convencer seus futuros chefes a mudar o planejamento da empresa que a boa capacidade de argumentação funciona. Ela também é bastante útil na hora de negociar melhores condições com fornecedores, de convencer clientes ou de criar novas estratégias de vendas ou marketing, por exemplo.

9. Sabe lidar com pessoas

Durante o seu trabalho como administrador, mesmo que você seja o responsável pelo setor financeiro da empresa, você terá, obrigatoriamente, que lidar com pessoas, o tempo todo. Isso pode não ser tarefa fácil, às vezes.

Pessoas não são como números, exatas. Bem pelo contrário. Elas são instáveis, têm seus dias bons e ruins, lidam com problemas pessoais e têm características psicológicas e emocionais distintas. Por isso, descobrir como lidar da melhor forma com as pessoas que trabalharão no mesmo ambiente que você é essencial para que vocês possam desempenhar um bom trabalho.

Saber ouvir, ser tolerante e paciente com as fragilidades alheias, e reconhecer erros e acertos (seus e dos outros), são atitudes que demonstram maturidade e alto nível de inteligência emocional. As empresas, em geral, buscam administradores que possuam essas características.

10. É organizado

Você consegue imaginar um profissional que é responsável por todo o planejamento e controle financeiro de uma empresa como uma pessoa totalmente desorganizada? Quase impossível, não é mesmo?

Um bom administrador, na maioria das vezes, é uma pessoa organizada, tanto no trabalho, quanto na vida pessoal. Até porque se não for, as chances de ficar perdido e confuso em meio a tantos dados e informações que são de sua responsabilidade organizar e analisar são altíssimas.

Por sorte, hoje em dia já existem diversas ferramentas e aplicativos tecnológicos que são uma mão na roda na hora de ajudar os desorganizados de plantão a colocar um pouco de ordem em suas vidas.

Se você faz parte desse time, dê uma boa pesquisada sobre as possibilidades e funções dessas ferramentas (grande parte delas é gratuita!), e comece a utilizá-las desde já! Você verá a grande diferença que isso fará em sua vida (e em sua futura profissão).

11. É empreendedor

Estamos vivendo em uma era na qual o empreendedorismo está em alta. Muitas pessoas, inclusive, entram na faculdade de Administração com o objetivo de abrir o seu próprio negócio.

Entretanto, mesmo que esse não seja o seu caso, saiba que ter um espírito e uma mentalidade empreendedora é característica essencial dos bons administradores. Empreender não necessariamente significa abrir um negócio ou empresa. Você pode ser empreendedor em seu ambiente de trabalho e até mesmo em sua vida.

Empreender é ter um objetivo claro, metas a serem alcançadas e estratégias definidas de como chegar lá. Mais importante do que tudo isso, porém, empreender é agir em direção ao que se deseja! Falando dessa forma, fica bastante claro porque ser empreendedor é importante para desempenhar bem a função de administrador, não é mesmo?

12. Cria e inova

Por fim, encerrando essa lista de competências e habilidades necessárias ao profissional de Administração, falaremos da importância de sempre criar e inovar. A inovação e a capacidade criativa estão tão em alta no mundo corporativo que diversas empresas já criaram departamentos específicos para essa atividade.

Esses departamentos contam com profissionais contratados exclusivamente com o objetivo de criar e gerar inovação nos produtos ou serviços oferecidos pela companhia. Então, um administrador que seja criativo e que tenha a capacidade de trazer inovação para a empresa é extremamente valorizado hoje em dia.

Para ser inovador você não precisa bolar um produto incrível, que ainda nem existe no mercado. Isso é extremamente raro de acontecer. Você pode ser inovador em um processo, por exemplo. Ao notar que uma pequena mudança na maneira como determinada atividade é realizada na empresa poderia trazer benefícios e apresentar essa ideia aos seus superiores, você já será inovador! Acredite, todas as empresas antenadas às novas tendências adoram profissionais assim!

E então? O perfil do profissional de Administração tem tudo a ver com você? Em caso afirmativo, ótimo, já pode correr pro abraço! Entretanto, se você não se identificou com todas as características listadas acima, não se preocupe! Na vida, não há nada que não possa ser aprendido, desenvolvido e internalizado, se você realmente desejar isso e agir para que as coisas aconteçam.

Caso você tenha dificuldades em ser organizado, por exemplo, trate de ler artigos ou ver vídeos e tutoriais sobre técnicas fáceis e simples de organização. Comece aos poucos, pelo seu próprio quarto ou guarda-roupas. Vá inserindo o hábito da organização em todos os setores da sua vida: estudos, estágio, vida pessoal. Quando você se der conta, terá se transformado em uma pessoa organizada!

Se, por outro lado, você é uma pessoa mais introvertida, e tem dificuldades em ser comunicativo (outra habilidade importante para bons administradores), saiba que essa também é uma característica que pode ser aprendida e aprimorada com treinamento e perseverança.

Comece em seu dia a dia, dando bom dia às pessoas, ou perguntando ao seu vizinho como ele está. Pode parecer muito difícil no princípio, mas não desista. Seus pequenos esforços diários, ao longo de alguns meses, farão uma grande diferença em sua vida.

Com os dois exemplos acima, deu pra perceber que todas as características necessárias para se tornar um administrador de sucesso podem ser desenvolvidas, não é mesmo? Por isso, se você deseja seguir essa carreira, comece agora mesmo a treinar e a se planejar, para chegar ao mercado de trabalho tendo o perfil do profissional de Administração que toda a empresa deseja contratar!

Agora é a sua vez! Depois da leitura desse post, você descobriu que tem o perfil do profissional de Administração? Quais das habilidades de um bom administrador estão presentes naturalmente em você? E quais ainda falta aprimorar? Conte para a gente nos comentários e enriqueça a nossa discussão sobre esse assunto!

Baixar ebook

Administracao

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia Pereira Medeiros da Fonseca é reitora do Centro Universitário de João Pessoa - Unipê. Doutora em Ciência da Informação pela Universidade de Maryland-EUA, exerceu cargo de Chefe de Arquitetura de Informação (Chief Information Architect) e Gerente do Departamento de Gestão da Informação do Banco Mundial. Possui experiência em negociação e cooperação internacional na área de projetos de informação com agências multilaterais e bilaterais, administrando programas relacionados à análise e ao apoio de projetos científicos e tecnológicos.