BLOG DA GRADUAÇÃO

Fonoaudiologia, o cuidado da comunicação humana

Para se dar bem na área de Saúde é preciso gostar de cuidar. E cuidar do outro é cuidar da saúde, do bem-estar e do indivíduo como um todo. Na área de Saúde é necessário pensar na integridade das pessoas, tratando a especificidade e ao mesmo tempo inserindo o aspecto individual no meio social e familiar. Por isso, se você deseja essa área, é importante investir em compromisso, disciplina e muita dedicação ao outro.

Uma atividade indispensável nesse processo de cuidado é a comunicação. Não apenas ao dizer o que se deve fazer ou como fazer, mas os próprios modos de expressão e de comunicação do sujeito precisam de cuidados específicos. Assim como os órgãos e os sistemas do corpo que expressam e realizam a comunicação. São a esses elementos que se volta a atuação do Fonoaudiólogo. Fazem parte das suas preocupações o equilíbrio, a audição, a fala, a deglutição, a oralidade, assim como a escrita. Você se interessou por essas questões? Então nos acompanhe por esse caminho interessantíssimo que é a Fonoaudiologia!

fonoaudiologia-blog-unipe-graduacao

Comunicação e os cuidados com a saúde

A Fonoaudiologia trabalha dentro de sete áreas: Audiologia, Linguagem, Motricidade Orofacial, Disfagia, Fonoaudiologia Educacional, Saúde Coletiva e Voz, mas seu principal objetivo é a Comunicação Humana, não apenas o tratamento de seus distúrbios, mas a promoção e a prevenção. Nesses distúrbios, estão, entre outros, as questões de fluência, a gagueira e os problemas relacionados à velocidade de fala. Outro ponto a trabalhar é o aperfeiçoamento vocal, tendo como público cantores, vendedores, políticos, atores, chegando à maximização do padrão vocal. Trabalha-se ainda com a parte das laringectomias, ou seja, a ocasião do câncer de laringe.

Há também o trabalho do desenvolvimento das linguagens escrita e oral, o tratamento com crianças que trocam letras na escrita ou que trocam de fonema na fala. Ainda há o cuidado com as pessoas que sofrem de problemas como a gagueira, a dislexia, as dislalias, as disortografias, as alterações de linguagem, a afasia ou quem teve um traumatismo craniano ou trauma que tenha afetado a linguagem tanto oral quanto escrita. Portanto, se você gosta de trabalhar com crianças, esse é um campo em que não vai faltar trabalho e no qual você pode escolher o que mais anima a sua vida.

Quais as possibilidades de atuação?

A saúde coletiva; a questão forense no que tange às perícias fonoaudiólogas, como nos casos em que se precisa saber se uma voz foi mudada para incriminar outra pessoa, ou identificar a voz de alguém; a disfagia, que se tornou uma especialidade da fonoaudiologia; as doenças degenerativas vindas naturalmente com o envelhecimento; o uso de tecnologias, para diagnóstico e para terapias; todos esses são especialidades do fonoaudiólogo. Se você gosta de números e análise, pode se voltar especialmente para a realização de exames, como os testes audiológicos, o teste da orelhinha, a audiometria, a imitanciometria, o teste do labirinto ou a detecção de perdas auditivas.

Se você gostou das várias relações entre comunicação e o cuidado inerente à atuação na Saúde, convidamos você a embarcar nessa área incrível que é a Fonoaudiologia.

Baixar ebook

Fonoaudiologia

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia Pereira Medeiros da Fonseca é reitora do Centro Universitário de João Pessoa - Unipê. Doutora em Ciência da Informação pela Universidade de Maryland-EUA, exerceu cargo de Chefe de Arquitetura de Informação (Chief Information Architect) e Gerente do Departamento de Gestão da Informação do Banco Mundial. Possui experiência em negociação e cooperação internacional na área de projetos de informação com agências multilaterais e bilaterais, administrando programas relacionados à análise e ao apoio de projetos científicos e tecnológicos.

MAIS LIDOS