Veterinária

Entenda as áreas de atuação da veterinária

Mariana Brito
09-11-2018 5:53

No post de hoje, queremos fazer um convite a você: vamos, juntos, conhecer quais são as áreas de atuação da veterinária? Há várias oportunidades para os profissionais que investem na carreira, e elas vão muito além do trabalho em clínicas.

Se você é amante dos bichinhos e pensa em cursar essa faculdade, nada melhor que descobrir quais são as possibilidades que o médico veterinário encontra e também como está o mercado para o ramo. Esperamos esclarecer as suas dúvidas e deixar aquela vontade de saber ainda mais sobre o assunto. Vamos nessa?

entenda-as-areas-de-atuacao-da-veterinaria

Quais são as áreas de atuação da veterinária?

Nas próximas linhas, trazemos uma seleção com as principais áreas de atuação da medicina veterinária. Os caminhos são inúmeros, de forma que o graduado pode escolher o que mais se encaixa com o próprio perfil. Acompanhe!

Clínica e cirúrgica

Essa é a área em que a maior parte dos profissionais decide seguir. Sabe quando o bichinho de estimação fica doente? Nesse momento, é o veterinário clínico que presta socorro.

Além das consultas de rotina, ele também realiza vacinações e faz procedimentos ambulatoriais e cirurgias. O trabalho é completo para garantir a saúde do pet que leva alegria para tanta gente.

Animais de grande porte

O veterinário especialista em animais de grande porte é um grande amigo dos fazendeiros. A principal função dele consiste em assegurar a saúde do gado, dos cavalos e de rebanhos em geral.

acessar material

Animais silvestres

Ao optar pelo cuidado de animais silvestres, o médico veterinário trabalha em zoológicos, fazendas de criação e répteis ou avestruzes e criatórios de aves.

Empresas públicas e privadas também costumam contratar o profissional para a retirada de espécies em áreas de construção de rodovias, alagamentos e outros espaços que os deixem em condição de vulnerabilidade.

Proprietários de roedores, como hamsters, porquinhos da índia e chinchilas, papagaios, calopsitas e outros pets diferentes também recorrem a esse especialista para garantir que os animais continuem saudáveis.

Produção animal e agronegócio

Aqui, o foco é a produção de alimentos de origem animal. O ramo está em expansão e, por isso, oferece oportunidades atrativas aos veterinários.

A função do profissional é supervisionar a eficiência da produção alimentícia e fazer com que os produtos cheguem aos consumidores em ótimo estado. Para isso, ele pode atuar em diferentes etapas, partindo desde a criação dos animais até a manipulação e a venda dos itens.

Conservação de espécies

Os veterinários que trabalham com conservação de espécies estudam os animais silvestres em cativeiro e no habitat.

Cuidar da preservação e da reprodução deles faz parte do dia a dia do profissional. Além disso, o especialista cria e implanta projetos ecológicos, inclusive em reservas naturais.

Saúde pública, vigilância e inspeção

Nessa área, a palavra de ordem é fiscalização. O veterinário que decide seguir pelo caminho da saúde pública deve fiscalizar as indústrias que produzem, utilizam ou processam alimentos com origem animal. Supermercados e frigoríficos integram esse conjunto.

A jornada de trabalho é dinâmica e bastante simples. Primeiro, o profissional vai até os locais a serem inspecionados e, então, realiza a vistoria. O objetivo é avaliar se as instalações estão adequadas para continuar a produção. Quando há ocorrência de irregularidade, as atividades são suspensas.

Extensão rural

O veterinário que se especializa em extensão rural encontra emprego em órgãos públicos ligados ao agronegócio, ONGs, empresas e cooperativas. A função dele é ser parceiro dos produtores rurais, apresentando novas tecnologias que melhorem a produção e deixem o manejo de animais mais eficaz.

O trabalho é educativo, de maneira que o especialista ministra palestras para atender às demandas da comunidade e aprimorar a tarefa de criação dos bichos.

giphy

Indústria

No setor de produtos para animais, o veterinário acompanha a produção e a comercialização de rações, alimentos, vitaminas e medicamentos para os bichinhos.

Ele também pode participar do desenvolvimento de novos itens e da prestação de assistência técnica ao cliente.

Perícia técnica

Você já viu competições esportivas que envolvem animais? O hipismo, que está presente inclusive nas Olimpíadas, figura como um bom exemplo delas.

Nessas atividades, o papel do veterinário é muito importante para analisar a ingestão de hormônios e medicamentos proibidos pelos competidores de quatro patas. Sem o parecer técnico do perito, a participação deles não é validada.

Pesquisa

O ramo da pesquisa veterinária ainda dá os primeiros passos no Brasil, mas a previsão é que cresça consideravelmente nos próximos anos. Clonagem, transgenia e melhoramento genético são assuntos que estão super em alta no momento.

Para os profissionais que não abrem mão de continuar estudando, a dica é ficar de olho nos concursos públicos e processos seletivos para os centros de pesquisa. Dentre as oportunidades, podemos destacar o Ministério da Agricultura.

Ensino

O melhor caminho para quem nasceu para ensinar é investir na pós-graduação. Com isso, abrem portas para que o profissional dê aulas no ensino superior e ministre cursos e palestras. A carreira é bem promissora tanto nas instituições privadas quanto nas públicas — que requerem aprovação em concurso.

Os salários são bons e também há espaço no cronograma para continuar o estudo coordenando projetos de pesquisa e atividades práticas dos alunos em hospitais universitários e fazendas experimentais.

Como está o mercado de trabalho para os veterinários?

Você sabia que o Brasil é o terceiro maior mercado pet do mundo, perdendo apenas para Estados Unidos e Reino Unido? A informação é da Associação Brasileira da indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet). Com isso, a procura por clínicas e lojas especializadas em produtos para pets é muito alta.

O agronegócio é outra área bem aquecida, bem como as indústrias de medicamentos e produtos veterinários. As fábricas de produtos de origem animal ainda sofrem com a falta de veterinários para suprir as demandas. Também há espaço para os empreendedores, que precisam ser criativos para atrair clientes.

Viu como as áreas de atuação da veterinária são numerosas? Qual delas tem mais a ver com o seu perfil? Mesmo antes de ingressar na faculdade, é importante pesquisar e esclarecer todas as dúvidas sobre a sua carreira dos sonhos para traçar a melhor estratégia para o futuro!

Que tal curtir a nossa página no Facebook para não perder nenhuma de nossas postagens? Aguardamos seu like!

baixe grátis o infográfico!

Recém adicionados

Veja nossas últimas atualizações
Materiais Gratuitos