Medicina

Descubra tudo sobre como é o curso de medicina

Mariana Brito
29-06-2018 5:50

Provavelmente, se você está estudando há meses para realizar seu sonho de ser médico, sabe que não é nada fácil entrar na faculdade de medicina, na medida em que o curso é um dos mais disputados nos vestibulares, não é verdade? Porém, já parou para pensar como é o curso de medicina?

A profissão de médico exige muita responsabilidade, pois esse profissional lida diretamente com a vida humana, e um simples erro pode acarretar sérias consequências.

Então, se você deseja seguir essa carreira, deve estar ciente de que vai enfrentar grandes desafios, sendo se formar o primeiro deles. Quer saber mais sobre como é o curso de medicina? Acompanhe nosso post até o fim e descubra!

descubra-tudo-sobre-como-é-o-curso-de-medicina-unipê

Quanto tempo dura o curso de medicina?

O curso de medicina é bastante puxado — o mais intenso de todos! São seis anos de estudo para se tornar um bacharel em Medicina, considerando que você não repita nenhuma matéria. As aulas acontecem em horário integral e, muitas vezes, há atividades extracurriculares nos finais de semana.

Aquela história de entrar na faculdade e participar de festas todos os finais de semana ou ir a barzinhos depois da aula normalmente não se torna uma realidade para alunos de medicina. Isso porque, não raramente, finais de semana, feriados e períodos da noite serão preenchidos com trabalhos e horas de estudo para provas. É claro que você pode ter uma vida social, mas talvez ela não seja tão intensa quanto você imagina.

Quais são as matérias mais importantes do curso?

Um médico lida com o corpo humano, logo ele precisa entender tudo sobre essa maravilhosa máquina. Por isso, nos primeiros dois anos de curso, os alunos aprendem sobre anatomia, patologia, fisiologia e bioquímica. As matérias são apresentadas em salas de aula e nos laboratórios e servem de suporte para as disciplinas seguintes.

Se você sempre achou o máximo dissecar cadáveres e tem curiosidade em saber como é feito o processo, prepare-se, pois essa será uma de suas atividades durante as aulas de anatomia. Fazer o acompanhamento de autópsias também vai fazer parte de sua rotina de estudos.

Farmacologia, bioestatística, psicologia voltada à saúde, primeiros socorros, embriologia, genética, saúde coletiva e diversas outras matérias ligadas à profissão também fazem parte da grade curricular do curso. Dependendo da faculdade, já nos primeiros anos, os alunos participam de programas de promoção da saúde com o objetivo de aproximá-los da comunidade.

No terceiro ano da faculdade, os estudantes já estão aptos a realizar exames. Nessa fase do curso, os futuros médicos aprendem a interpretar exames e experimentam uma maior aproximação com pacientes em postos de saúde e ambulatórios. Também é entre o terceiro e o quarto ano que os estudantes têm contato com matérias específicas, como oncologia, ginecologia e pediatria, por exemplo.

Acessar material!

Como funciona o estágio?

Os últimos dois anos do curso de medicina são voltados para o internato. Essa é a hora do vamos ver, pois é nessa fase que os estudantes põem em prática tudo que foi visto nas salas de aula e nos laboratórios. Além de ser uma parte importante no processo de aprendizado, o estágio exige muita dedicação e responsabilidade.

Nessa etapa do curso, os estudantes atendem pacientes durante as consultas, fazem plantões e realizam serviços de emergências, como fazer pequenas suturas. Tudo isso sob supervisão, é claro! Os procedimentos mais delicados são realizados pelos profissionais, mas os estudantes podem acompanhar de perto.

Durante o estágio, os aspirantes a médicos têm contato com especialidades como saúde coletiva, clínica médica, pediatria, ginecologia e obstetrícia e cirurgia geral. Além de ser uma etapa fundamental para a formação do profissional, o internato oferece a possibilidade de o aluno escolher qual área deseja seguir depois de formado.

Estágio e residência são a mesma coisa?

Alguns estudantes acham que o internato e a residência médica são a mesma coisa. No entanto, estágio ainda é uma fase de aprendizado, no qual o aluno tem contato real com a profissão e encontra a possibilidade de conhecer o funcionamento de um hospital ou posto de saúde. Mas nessa fase, ele ainda não é um médico formado e não pode atender sem supervisão de um profissional.

a residência médica é voltada para profissionais formados, que desejam se especializar em uma determinada área. O estágio é obrigatório para complementar a formação do médico. Sem ele, o estudante não pode se graduar. Já a residência é opcional.

Para fazer uma residência, primeiro é necessário escolher qual área seguir. Depois, é preciso passar por prova teórica, análise de currículo e entrevista pessoal com o diretor do hospital no qual você quer fazer a residência. Um médico residente recebe uma bolsa no valor de R$ 3.330,00, e o tempo de estudo depende da especialidade escolhida.

descubra-tudo-sobre-como-e-o-curso-de-medicina

Quais áreas posso seguir depois de formado?

Agora que você já sabe mais um pouco sobre como é o curso de medicina, que tal conhecer algumas áreas nas quais você pode se especializar? As opções são inúmeras e aqui vamos citar algumas delas:

  • Oftalmologia — cuida da saúde dos olhos;
  • Pediatria — área boa para quem gosta de crianças;
  • Psiquiatria — área voltada para a saúde mental;
  • Dermatologia — cuida da pele das pessoas;
  • Ginecologia e Obstetrícia — responsável pela saúde da mulher e por realizar partos;
  • Oncologia — cuida de pacientes com câncer;
  • Geriatria e Gerontologia — área voltada para o cuidado de idosos;
  • Endocrinologia — cuida do metabolismo e de distúrbios hormonais;
  • Clínica Médica — cuida do organismo em geral;
  • Cardiologia — cuida de problemas relacionados ao coração;
  • Ortopedia — área responsável pelos ossos;
  • Neurologia — responsável pelo estudo e pela cura das doenças do sistema nervoso.

Qual a média de valores das mensalidades do curso?

O valor de um curso de medicina varia muito, na medida em que uma faculdade de renome, por exemplo, tem um custo muito mais alto do que uma não muito conhecida. Instituições presentes em grandes metrópoles também possuem mensalidades mais elevadas do que escolas de cidades menores. Segundo um levantamento realizado pelo Guia do Estudante, as mensalidades podem variar entre R$ 3.500,00 e R$ 12.000,00.

Por isso, é preciso estar bastante consciente sobre se essa é a profissão que você deseja para sua vida. Lembre-se de que ser médico é um verdadeiro sacerdócio, e a profissão exige muito do profissional. Mas o investimento vale a pena, pois há poucas coisas tão gratificantes quanto ter a oportunidade e o conhecimento para salvar vidas.

Agora que você já sabe como é o curso de medicina, está na hora de curtir nossa página no Facebook e ficar por dentro de todas as novidades do Unipê!

Baixe grátis o seu e-book!

Recém adicionados

Veja nossas últimas atualizações
Materiais Gratuitos