BLOG DA GRADUAÇÃO

Descubra qual é o perfil do profissional de Sistemas para Internet

Como vivemos em um mundo imerso em tecnologia, o mercado de Tecnologia da Informação (TI) é, sem dúvida, o mais aquecido do momento. Apesar da imensa demanda, o Brasil ainda possui poucos profissionais capacitados na área. E você, faz ideia de qual é o perfil do profissional de Sistemas?

É uma das profissões mais promissoras da atualidade. Neste artigo, falaremos sobre essa carreira e quais requisitos ela exige de quem quer se profissionalizar. Quer saber se esse curso é para você? Então continue a leitura.

descubra-qual-e-o-perfil-do-profissional-de-sistemas-para-internet.jpg

Conhecendo o curso

Antes de começarmos a falar sobre o perfil do profissional, vamos conversar um pouco sobre como é o curso.

O curso de Sistemas para Internet forma um tecnólogo qualificado como nível superior e tem duração média de três anos. Diferente de um curso de graduação, o tecnólogo possui disciplinas voltadas mais para a prática, ou seja, um cunho mais profissional. Dessa forma, o aluno forma-se especialmente bem preparado para o mercado de trabalho.

Segundo o IBOPE, quase metade da população brasileira possui acesso à internet, sendo o Brasil o quinto país com o maior número de conexões. É fácil ver a importância de existirem profissionais capacitados para atuar e dar conta da demanda de serviços na área da Tecnologia da Informação, não é?

Após formado, um tecnólogo pode continuar aprimorando seus estudos e se especializando com outras áreas relacionadas a sistemas operacionais e tecnologias. Os cursos também permitem que o profissional possa dar ênfase em uma das muitas vertentes dentro de Sistemas para Internet.

O perfil do profissional de Sistemas para Internet

O profissional que trabalha na área de Sistemas para a Internet deve ser alguém que goste de resolver problemas, lidar com o mundo da programação e estar sempre antenado em novidades tecnológicas que surjam em qualquer lugar do mundo. É uma área que está em constante evolução e aprimoramento.

Para que você entenda melhor o que este profissional faz, listamos abaixo 6 grandes áreas de atuação.

Baixar ebook

1. Desenvolvedor de jogos

Esta é uma área que está em mutação e renovação ininterruptas. Afinal, é preciso trazer atrativos para um público voraz e exigente: os gamers. Para você ter uma ideia, segundo uma pesquisa realizada pela NewZoo, o mercado brasileiro para jogos eletrônicos movimentou U$ 1,4 bilhões em 2016.

Para este profissional de games, além do essencial a todas as áreas de Sistemas para Internet — manter-se atualizado — é preciso ter uma extensa bagagem cultural. Jogos têm roteiro, trilha sonora e estética inspirados na arte, ciência, história e mitologia.

Além de gostar de jogar e ser bom de programação, é preciso criar um portfólio que reflita suas habilidades. Que tal alguns jogos e apps para celular?

2. Desenvolvedor de aplicativos mobile

Nos dias atuais, quase tudo pode ser feito através de um aplicativo. Como a vida anda corrida, muitas pessoas aderiram a essa ferramenta. Chamar um táxi, pedir comida, reservar hotel, monitorar movimentação bancária, tudo está na palma da mão, ao alcance de alguns clicks.

Você está sempre pensando em formas de deixar a vida mais prática e como a vida cotidiana pode ser otimizada através dos smartphones de uma pessoa? Talvez você seja um bom candidato a profissional de aplicativos!

3. Desenvolvedor de web front-end

Com a invasão dos mobiles no mundo todo, há uma enorme necessidade de pessoas capacitadas. A abrangência da área de atuação deste profissional — que pode trabalhar em setores públicos, privados e até como freelancer — é enorme.

É ele quem desenvolve o aspecto funcional e visual das plataformas e sites. Por isso precisa entender as necessidades de quem irá navegar. Como você percebeu, esta atividade está intimamente ligada a todas as demais áreas de TI.

4. Desenvolvedor de softwares na nuvem

Os processos de armazenamento e distribuição de informações foram simplificados com o uso da nuvem. Isso reduziu os custos, aumentou a segurança e a mobilidade dos dados, fazendo com que pessoas e empresas de sistemas aderissem às múltiplas clouds.

Esses novos modelos de armazenamento utilizam servidores virtuais, por meio de softwares, em vez de equipamentos físicos.

O maior desafio deste profissional é explorar essa tecnologia tanto em relação ao consumo, quanto ao gerenciamento das informações, dando aos clientes a real dimensão desses novos serviços.

descubra-qual-e-o-perfil-do-profissional-de-sistemas-para-internet.gif

5. Segurança da Informação Web

Com tanta informação transitando pelo mundo web é necessário que exista um profissional responsável pela segurança delas. Afinal, são diversos tipos de empresas trabalhando com serviços online e informações sigilosas.

Compras, exames, transações bancárias, dados pessoais e profissionais circulam nos mais diversos aplicativos. O profissional da área estuda e desenvolve formas de proteger informações e preservar esses conteúdos.

Não é uma surpresa que empresas que trabalham com informações financeiras são as primeiras a contratarem serviços de Segurança da Informação!

6. Administrador de websites

Para que páginas, blogs ou qualquer site na internet tenham muitos acessos e, consequentemente, construam relevância, é necessário que haja um gerenciamento das atividades. Nesta área, o profissional é chamado de webmaster. É ele quem administra os sites depois de prontos.

Ele irá controlar o número de acessos, o perfil das pessoas que acessam a página e a venda de anúncios. Além disso, os websites precisam de atualização e este profissional também trabalhará definindo a frequência com que ocorrem as publicações.

Um bom profissional de Sistemas da Internet é adaptável, aprende rápido, apresenta soluções e precisa estar sempre atualizado quando o assunto é tecnologia. Afinal, ela revolucionou o mundo dos negócios e o próximo passo dessa era é a personalização dos serviços.

Como você deve ter notado, muitas características dentro do segmento de Sistemas de Informação se misturam, porque a base da formação é bastante semelhante, mas a ramificação das áreas de atuação permite escolher aquilo que se encaixa melhor no seu perfil.

Pretende investir em uma carreira com mercado em crescimento, boas possibilidades de ascensão dentro de uma empresa e potencial para o empreendedorismo? Sistemas para Internet é uma ótima opção — assim como as demais áreas de TI.

Quer saber antes as novidades do mundo profissional, cursos e carreiras? Acompanhe nossa página no Facebook!

Baixar ebook

Sistemas para Internet

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia Pereira Medeiros da Fonseca é reitora do Centro Universitário de João Pessoa - Unipê. Doutora em Ciência da Informação pela Universidade de Maryland-EUA, exerceu cargo de Chefe de Arquitetura de Informação (Chief Information Architect) e Gerente do Departamento de Gestão da Informação do Banco Mundial. Possui experiência em negociação e cooperação internacional na área de projetos de informação com agências multilaterais e bilaterais, administrando programas relacionados à análise e ao apoio de projetos científicos e tecnológicos.

MAIS LIDOS