biomedicina

Conheça 9 áreas de atuação da biomedicina

Mariana Brito
08-12-2018 8:14

Quais são as áreas de atuação da biomedicina? Qual é a diferença entre ela e a medicina? Como é a rotina do biomédico? E aí, sabe as respostas das perguntas anteriores? Caso ainda não faça ideia, basta continuar a leitura deste post. Além de responder a cada uma delas, destacamos nove possibilidade para a carreira.

A biomedicina representa um campo bem amplo, em que pessoas com perfis diversos podem realmente encontrar nela a profissão dos sonhos. Talvez esse seja o seu caso. Continue a leitura para descobrir.

conheca-9-areas-de-atuacao-da-biomedicina

Quais são as áreas de atuação da biomedicina?

De forma geral, o biomédico é aquele que identifica, classifica e estuda os microrganismos causadores de doenças. Nesse sentido, após identificar as causas das enfermidades, ele estuda vacinas, medicamentos e outras formas de preveni-las e tratá-las.

A principal diferença entre essa carreira e a medicina é que somente o médico pode diagnosticar doenças, receitar medicamentos e realizar cirurgias, estabelecendo, portanto, um contato próximo com os pacientes.

Confira, na sequência,  as áreas de atuação da biomedicina:

1. Análise clínica

Essa é a área de atuação mais conhecida da biomedicina. Nela, o profissional realiza o processamento do sangue, analisa os fluidos corporais e apresenta os resultados dos exames para que, em caso de alterações, o médico consiga indicar o tratamento mais adequado ao paciente.

Os dados devem ser precisos porque, quando o assunto é saúde, não há espaço para erros. Por isso, o biomédico sempre assume a responsabilidade técnica ao emitir laudos de análises.

Quem tem perfil de liderança também pode se dar bem no campo das análises, já que há espaço para chefias técnicas, assessoria e direção de atividades.

acessar material

2. Análise ambiental

O saneamento do meio ambiente requer a realização prévia de análises físico-químicas e microbiológicas. Nesse sentido, não há ninguém mais qualificado que o biomédico para realizá-las.

Ele também assume a responsabilidade técnica para o tratamento de efluentes, além de elaborar relatórios técnicos, fazer perícias, prestar consultorias e assinar laudos, os quais podem autorizar ou não a continuação de um projeto.

3. Indústria

Para dois segmentos da indústria, o papel do biomédico é indispensável. Em companhias do ramo químico e biológico, o profissional tem a função de elaborar soros, vacinas e reagentes.

4. Genética

Na escola, a genética era o assunto de que você mais gostava? Em caso positivo, temos uma boa notícia: a biomedicina conta com uma área de atuação exclusiva para o tema. Nela, o profissional participa de pesquisas em todas as áreas da genética, podendo assumir o papel de coordenador ou de membro da equipe.

É necessário, também, que ele realize exames relacionados à citogenética (ramo que estuda a estrutura e a função da célula) e à genética humana molecular (DNA). O profissional trabalha com a coleta de amostras, realiza as análises e emite laudos diagnósticos. Os que optarem pelo trabalho em laboratórios, podem prestar consultoria a outros profissionais e também aos pacientes, por meio do aconselhamento genético.

5. Reprodução humana

No campo da reprodução humana, o biomédico desempenha diversas tarefas. Dentre elas, podemos citar:

  • Identificação e classificação oocitária (que diz respeito ao conjunto de células que dão origem ao óvulo);

  • Processamento seminal (relativo ao sêmen);

  • Espermograma;

  • Criopreservação (congelamento) seminal e embrionário;

  • Classificação embrionária;

  • Biópsia embrionária;

  • Manipulação de gametas e pré-embriões;

  • Hatching (técnica usada para aumentar as chances de implantação do embrião em alguns casos de fertilização in vitro).

6. Perícia criminal

giphy

Se o biomédico gosta de investigação e deseja ajudar a polícia a solucionar crimes, a perícia representa um prato cheio. Ao seguir por esse caminho, o profissional analisa vestígios humanos, como sangue e tecidos, para desvendar o que de fato aconteceu na cena investigada. Os empregadores são os institutos de criminalística, e a tarefa é realizada, geralmente, em parceria com médicos, bioquímicos, farmacêuticos e biólogos.

7. Toxicologia

A toxicologia é a área de atuação da biomedicina que estuda os efeitos adversos das substâncias químicas no organismo. Nesse sentido, o profissional é responsável por fazer a quantificação dos agentes toxicantes em matrizes diversas, sendo elas biológicas (urina, cabelo, saliva, sangue e vísceras) ou não (solo, ar e água). O trabalho pode beneficiar os setores forense, ocupacional e ambiental, além de contribuir com pesquisas analíticas e experimentais.

8. Imagenologia

Aqui, o profissional trabalha com exames de tomografia computadorizada, ressonância magnética, medicina nuclear, radioterapia, radiologia médica e ultrassonografia. No entanto, a interpretação dos laudos gerados é tarefa exclusiva do médico.

As atividades consistem na operação de equipamentos, desenvolvimento de novas técnicas, elaboração de protocolo de estudos e examinação, coordenação de grupos. A responsabilidade pela informática médica é também uma opção bastante atrativa porque há poucos profissionais no mercado. Nela, o biomédico pode tanto gerar os resultados de exames quanto ser responsável pelo armazenamento das imagens adquiridas.

9. Auditoria

Ao optar pela auditoria, o biomédico atua diretamente na certificação e na acreditação de hospitais, laboratórios de análises clínicas e indústrias. Para isso, ele verifica a conformidade dos locais auditados com os padrões exigidos, incluindo a estrutura dos processos e métodos empregados. Ele também está autorizado a verificar as contas hospitalares.

Como está o mercado de trabalho para a profissão?

A biomedicina está em constante crescimento no mercado porque os recursos tecnológicos, lançados diariamente, permitem que os profissionais se aprofundem no processo de pesquisa e de descobertas para promover a saúde da população.

É possível encontrar emprego em todas as áreas, mas a que mais oferece vagas é a de análises clínicas. Cabe destacar que algumas especialidades, como a perícia criminal, são mais demandadas em grandes cidades. Outros ramos, como a imagenologia, ainda ofertam oportunidades que não contam com número adequado de profissionais para preenchê-las.

Em relação ao salário, ele varia muito de acordo com o porte da empresa empregadora, com o tempo de experiência do profissional e também com as especializações. Em média, esse valor fica entre R$ 1.800 e R$ 8.000.

Gostou de conhecer as áreas de atuação da biomedicina? Existem opções para todos os gostos, não é mesmo? No momento da escolha da sua futura profissão, é importante considerar todas as possibilidades que aparecerão após a conclusão da faculdade. Um ponto relevante para refletir é que a saúde será sempre prioridade na vida da população.

Para descobrir mais profissões e curiosidades, siga a nossa página no Facebook!

baixe grátis o infográfico!

Recém adicionados

Veja nossas últimas atualizações
Materiais Gratuitos