ENEM

8 filmes que servirão de grande ajuda no Enem

Mariana Brito
13-09-2017 0:00

Com a proximidade cada vez maior do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a pressão para conseguir estudar todas as matérias aumenta, o tempo fica mais curto e bate aquele desespero. Mas calma, tudo vai dar certo!

É importante saber administrar os estudos e dar uma pausa nas apostilas. Passear com pessoas queridas, ir a uma festa ou assistir a um filme são coisas que fazem bem para relaxar e preparar a mente para tantas outras horas em frente aos livros nos dias seguintes.

E por falar em filme, por que não assistir a algumas produções que possam distrair ao mesmo tempo em que contribuem para o aprendendizado?

Claro que desligar totalmente a cabeça dos estudos é algo fundamental, mas quando bater o cansaço e você sentir necessidade de fazer uma pausa, pode apostar em um longa para descansar e, simultaneamente, ganhar uma ajuda no Enem.

Com essa estratégia você absorve mais conteúdos sem perceber, espacialmente sobre Ciências Humanas e suas Tecnologias.

Gostou da ideia? Então confira 8 títulos que você não pode deixar de assistir!

8-filmes-que-servirao-de-grande-ajuda-no-enem.jpg

1. Central do Brasil (1998)

O filme retrata uma realidade relativamente comum no Brasil devido ao fluxo migratório, narrando a vida daqueles que se mudam em busca de uma vida melhor. Segundo dados do IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o índice de migrantes é maior do Nordeste para o Sudeste, sendo que São Paulo é o estado que mais os recebe.  

Central do Brasil é um filme renomado, vencedor de muitos prêmios — incluindo o Globo de Ouro de Melhor Filme Estrangeiro e o Urso de Ouro em Berlim. Fernanda Montenegro, por conta do longa, entrou na disputa ao Oscar de Melhor Atriz, em 1999.

Vale a pena conferir esse clássico do cinema brasileiro, dirigido por Walter Salles. Além de ser uma excelente produção, ele ajuda no Enem fazendo você entender melhor o fluxo migratório. Esse assunto foi o tema da redação em 2012, mas pode cair novamente no exame.

O mesmo assunto é abordado em outro filme mais recente: Faroeste Caboclo, de 2013.

2. Que Horas Ela Volta? (2015)

Uma mistura de aula de Sociologia com fluxo migratório, esse é outro longa brasileiro, desta vez dirigido por Anna Muylaert.

A história é sobre a vida de Val, uma pernambucana que vai procurar emprego em São Paulo e mora na casa dos chefes, cuidando de tudo, inclusive da criação do filho deles, Fabinho.

Jéssica, filha de Val, após muitos anos sem ver a mãe, resolve se mudar para a capital paulista com intuito de encontrar na cidade melhores oportunidades para estudar para o vestibular.

Além de abordar a migração, em que ambas buscam melhores condições em outro estado, o filme faz uma crítica social entre a diferença de classes. Jéssica mostra para a mãe essa discrepância que existe na relação entre Val e seu contratante, problematizando a forma como as classes média e alta tratam seus funcionários.

New Call-to-action

3. O Dia que Durou 21 anos (2013)

Esse documentário é dividido em três episódios (26 minutos cada) e mostra o envolvimento dos Estados Unidos com o Brasil durante o Golpe de 64. A produção revela áudios sigilosos de telefonemas da Casa Branca, expondo a relação dos presidentes John F. Kennedy e Lyndon Johnson, além do envolvimento da CIA no golpe que tirou João Goulart da presidência.

"O Dia que Durou 21 Anos" ainda mostra o cenário político brasileiro da época, sendo uma boa oportunidade de assimilar esse período turbulento da nossa história. A obra foi dirigida por Camilo Tavares.

4. Histórias Cruzadas (2011)

O filme expõe o preconceito racial nos Estados Unidos em meados da década de 60, retratando a luta dos negros (especialmente mulheres) pelos direitos civis.

No drama, Skeeter é a única mulher branca que vê com igualdade as negras e decide que quer escrever um livro sobre a vida das afrodescendentes de sua cidade. Ela se afeiçoa à empregada doméstica Abileen quando começa a escrever uma coluna jornalística sobre conselhos para cuidar do lar.

"Histórias Cruzadas" mostra a realidade de mulheres negras que largaram suas vidas para cuidarem de crianças da elite branca. O longa retrata como elas eram tratadas, tendo até mesmo banheiros separados, e como sentiam medo da punição de seus patrões, caso eles descobrissem sobre o livro em produção.

5. Adeus, Lênin! (2003)

Essa ficção é inspirada na queda do Muro de Berlim e na reunificação alemã. A história começa quando uma mulher comunista infarta depois de ver seu filho, Alexander, protestar contra o regime. Ela fica em coma por 8 meses e, nesse intervalo, ocorre a queda do Muro de Berlim.

Quando ela acorda do coma e retorna para casa, Alexander não mede esforços para que sua mãe não perceba que o sistema capitalista está inserido em todo o país. Ele teme que o choque da nova realidade seja fatal para ela.

Mais um longa com conteúdo histórico, “Adeus, Lênin!" é uma boa aposta para relaxar e entender um pouco melhor sobre as divergências entre os dois regimes.

6. O Que É Isso, Companheiro? (1997)

Indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, o longa mostra o sequestro do embaixador americano Charles Burke Elbrick, durante o período mais sombrio da história brasileira: a Ditadura Militar.

Dirigido por Bruno Barreto, a obra conta como os dois grupos militantes guerrilheiros de esquerda MR-8 e ANL, lutaram pela implantação do socialismo e o fim da ditadura militar.

8-filmes-que-servirao-de-grande-ajuda-no-enem.gif

7. Olga (2004)

O longa brasileiro com direção de Jayme Monjardim conta a história de Olga Benário no período da Intentona Comunista (1935). Alemã, judia e comunista, ela fez treinamento militar em Moscou.

Na capital russa, ela fica encarregada de trazer Luís Carlos Prestes ao Brasil. Os militantes se apaixonam, mas Olga é presa pelo governo Vargas e, mesmo grávida, deportada para a Alemanha nazista.

Lá, ela tem sua filha em um campo de concentração, mas é afastada do bebê e enviada para outro campo.

Cheio de cenas marcantes com todas as dificuldades pelas quais passaram o casal, o filme ajuda no Enem com os contextos: Era Vargas, Segunda Guerra Mundial, as experiências nazifascistas pelo mundo e a formação do PCB.

8. Trabalho Interno (2010)

Explorando aspectos que culminaram na crise econômica de 2008, o documentário detalha fatos que ocorreram entre 2007 e 2012 e contribuíram com o colapso financeiro e político dos Estados Unidos. Em cinco partes, a obra dirigida por Charles Ferguson explora as mudanças políticas e as práticas bancárias da época.

Repleto de entrevistas, "Trabalho Interno" começa examinando a Islândia e a privatização de seus bancos no início dos anos 2000. A obra vai até à bancarrota do Lehman Brothers e do AIG, que colocou o mundo inteiro em recessão.

Viu como é possível estudar e se divertir ao mesmo tempo? Então prepare uma pipoca, apague a luz da sala e aposte em algum título desta lista! Você descansa a mente e, de quebra, ganha uma ajuda no Enem!

Tem mais algum filme para indicar ou considerações a fazer? Deixe seu comentário!

New Call-to-action

Recém adicionados

Veja nossas últimas atualizações
Materiais Gratuitos