BLOG DA GRADUAÇÃO

7 segredos para melhorar seu resultado do Enem do ano passado

Se você está estudando para o vestibular, provavelmente já ouvir falar a velha e conhecida frase: “vestibular não se faz para passar, mas sim até passar”. Portanto, também já sabe que é bastante comum fazer a prova mais uma vez para melhorar o resultado do Enem, em busca da tão sonhada vaga na universidade.

Se este é o seu caso, não se preocupe. Estudar para o Enem durante mais um ano não é algo que deve te desanimar. Afinal, você está em vantagem em relação à grande parte dos outros candidatos que fazem a prova pela primeira vez.

Por isso, você deve usar todo o seu potencial e conhecimento adquirido no ano passado para se destacar. Para isso, basta seguir esses 7 segredos infalíveis para se superar e melhorar sua nota neste ano.

7-segredos-para-melhorar-seu-resultado-do-enem-do-ano-passado.jpg

1. Trabalhar suas principais dúvidas

A primeira dica pode até parecer um pouco óbvia, mas essa é uma estratégia que faz toda a diferença, apesar de muitas pessoas não saberem como colocá-la em prática na hora de resolver as questões do Enem. Focar os estudos nos pontos em que você tem mais dificuldade é essencial.

Já que essa não é a primeira vez que se dedica para tirar uma boa nota no Enem, é essencial pegar a prova do ano passado e analisar quais foram as questões em que não conseguiu sucesso.

Essa dica vale tanto em relação à matéria cobrada na questão, como ao formato, tipo de enunciado e nível de interpretação exigido ao longo da prova.

Leia com atenção e perceba quais os pontos que não foram bem compreendidos e revise a matéria. Em seguida, tente fazer novamente até acertar o resultado sem ter dificuldades. Se for preciso, volte na questão alguns dias depois.

2. Ser criativo no momento de estudar

Vamos combinar, não há nada mais entediante do que reler uma matéria que você está cansado de saber. Pior ainda é quando já faz mais de um ano que você se dedica àquele assunto. Por isso, é preciso criatividade.

Vai estudar a História do Brasil? Ler os livros é algo importantíssimo, não tenha dúvidas. Entretanto, para fixar tudo com mais facilidade, busque filmes relacionados aos fatos. Pode ter certeza que sua memória vai te agradecer e tudo vai ser muito mais fácil de ser lembrado durante o prova.

Chegou o dia de revisar a matéria de matemática? Existem diversos jogos online e aplicativos superinteressantes que podem te ajudar muito. Assim, você aprende brincando e as fórmulas são memorizadas de uma maneira muito mais dinâmica.

New Call-to-action

3. Avaliar seus métodos de resposta

Um dos maiores pesadelos no vestibulando é o tempo. O período para realizar os exercícios é curtíssimo, se comparado com o tempo em que os estudantes costumam se dedicar em casa ou durante as aulas.

Lembre-se de quais matérias tomaram seu tempo no dia da realização da prova. Isso significa que você tem dificuldade para se lembrar da matéria ou não conseguiu interpretar as informações corretamente.

São esses pontos que você precisa identificar e trabalhar. O modo como as questões são respondidas durante o Enem é algo extremamente importante.

De nada adianta se você consegue chegar à resposta correta se perde 30 minutos em uma questão.

Reavalie seus métodos e peça ajuda aos professores. Pode ter certeza que existe um macete ou até mesmo uma fórmula diferente para chegar ao resultado com maior rapidez.

4. Refazer sua prova

Você já experimentou refazer sua prova do Enem do ano passado, pouco tempo antes da nova edição? Se não, faça.

Essa é uma estratégia que comprova sua própria evolução. É importante refazer cada um dos exercícios e avaliar se está havendo aumento na nota final. Caso contrário, é preciso rever a forma de estudo e se dedicar mais.

Procure provas de anos anteriores, mesmo que você não tenha se inscrito. Também é válido procurar provas de vestibulares de instituições privadas, que possuem temas mais atuais, para colocar essa dica em prática.

5. Gastar seu tempo fazendo exercícios

Reler a matéria e relembrar seus principais conceitos é essencial. Mas em uma situação onde você já domina todo o conteúdo e possui conhecimento suficiente para uma nota razoável, é preciso trabalhar a resolução de exercícios.

É aquela velha história: só aprendemos errando. A verdade é que você realmente só consegue se aprofundar no conteúdo quando visualiza sua aplicação na prática, vendo como aquela matéria é cobrada e como ela pode se misturar com várias outras, de uma maneira que a teoria não explica.

Por isso, quando for montar seu plano de estudos, separe pelo menos 30% do seu tempo disponível para realização de exercícios.

Caso não entenda algum deles, recorra aos seus professores, monitores, amigos ou fóruns na internet. O mais importante é que nenhuma dúvida seja levada à diante e a matéria seja fixada.

6. Avaliar o que te interrompeu na hora dos estudos

Outro ponto importante é avaliar qual foi sua maior dificuldade no momento de se concentrar nos estudos no ano anterior. É bastante difícil fazer uma avaliação do próprio comportamento, mas não há nada que seja impossível.

Seja sincero consigo mesmo. Pense em que atividades você realmente gasta a maior parte do seu tempo ao longo do dia, até mesmo nos fins de semana.

Se você frequenta muitas festas, mesmo que somente durante o sábado e domingo, isso pode te prejudicar. Apesar desses eventos acontecerem durante a noite, um horário que você não costuma estudar, elas podem te deixar cansado e acabar prejudicando no dia seguinte.

Uma noite mal dormida, parar os estudos para responder os amigos no WhatsApp a toda hora e fazer longos intervalos durante o dia podem interromper seu fluxo de estudos, prejudicando a absorção do conteúdo.

7. Dedicar-se à redação

A redação pode ser sua maior arma ao fazer a próxima edição do Enem. Portanto, se dedique à ela.

Estude as principais regras gramaticais, o estilo de texto cobrado e não se esqueça de se esforçar para ter uma caligrafia impecável. É extremamente importante cuidar de cada detalhe, para que nada possa interferir no momento de receber a nota desejada.

Aproveitando a oportunidade, fica aqui a dica de se manter atualizado sobre os assuntos mais discutidos na sociedade. Acompanhe os principais jornais e fique de olho nas redes sociais para ter conhecimento sobre as maiores discussões, seja qual for o tema. Se atualize!

Agora é hora de colocar as dicas em prática e melhorar o resultado do Enem na próxima edição da prova. Curta nossa página no Facebook para acompanhar as principais dicas sobre vestibular.

New Call-to-action

ENEM

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia Pereira Medeiros da Fonseca é reitora do Centro Universitário de João Pessoa - Unipê. Doutora em Ciência da Informação pela Universidade de Maryland-EUA, exerceu cargo de Chefe de Arquitetura de Informação (Chief Information Architect) e Gerente do Departamento de Gestão da Informação do Banco Mundial. Possui experiência em negociação e cooperação internacional na área de projetos de informação com agências multilaterais e bilaterais, administrando programas relacionados à análise e ao apoio de projetos científicos e tecnológicos.