BLOG DA GRADUAÇÃO

3 Motivos para fazer o curso de Gestão Financeira

“O que esperar do cenário econômico brasileiro em 2016?”  

Depois do nosso conturbado 2015, fica difícil ser otimista em relação ao ano que se aproxima, não é mesmo? Inflação, alta do dólar, desvalorização da moeda brasileira, PIB (Produto Interno Bruto) com perspectivas negativas. As más notícias não param de chegar.

Porém, para os interessados em se aventurar nesse mercado, o panorama pode ser melhor. Com o receio de que o ano de 2016 seja ainda pior para os negócios do que 2015, muitos diretores e donos de empresas têm investido seu tempo e esforço para planejar e reestruturar seu negócio. Diante desse cenário, quem melhor que o Gestor Financeiro para mapear e orientar os processos dentro das organizações brasileiras?

Ficou interessado? Hoje, listaremos aqui, 3 motivos para você fazer o curso de Gestão Financeira agora mesmo! Confira.

Motivos para fazer gestão financeira

1 Você vai se tornar um profissional mais focado

Cada vez mais, a busca por profissionais multidisciplinares tem aumentado. Porém, muitas empresas e grandes organizações têm priorizado os perfis que contemplam conhecimentos e experiências mais específicas. É o caso do Gestor Financeiro.

Esse profissional deve conhecer todos os processos de um organização, porém, a sua especialidade precisa ser a criação de alternativas financeiras que potencializem e ascendam a empresa. Para exercer sua função com maestria, o profissional financeiro necessita de conhecimentos práticos e teóricos, que darão suporte durante toda a sua carreira. Temas como: Comunicação Empresarial, Psicologia Organizacional e Gestão Estratégica de Custos só podem ser aprendidas com sucesso em uma graduação em Gestão Financeira, por exemplo.

Vale lembrar que os cursos tecnológicos formam profissionais específicos para suprir a demanda do mercado. Por isso são mais objetivos, curtos e específicos. Seus ensinamentos visam preparar com excelência os profissionais para trabalhar em diferentes cenários e ambientes organizacionais de uma empresa com atenção voltada para  as mudanças econômicas do país.

As vantagens competitivas do tecnólogo em Gestão Financeira - UNIPE

2 A inserção no mercado de trabalho é mais rápida

Muitas pessoas têm receio de optar por um curso tecnológico por acharem que ele apresenta uma abordagem superficial, deixando de lado os temas necessários para a ascensão do profissional. Porém, na prática, a realidade é outra. O curso tecnológico, apesar de mais curto, 2 a 3 anos, garante que o profissional esteja apto a assumir cargos específicos no mercado de trabalho.

Como falamos anteriormente, esses cursos foram criados devido a uma demanda do próprio mercado. Por isso, a única e grande diferença entre uma graduação tradicional e um tecnológico é que o segundo forma profissionais mais práticos, prontos para assumir determinadas funções dentro das empresas. Enquanto o graduado tem maiores opções de carreiras para seguir, o tecnológico tem segmentos de sobra para definir sua atuação.

Por isso, se você já está inserido no mercado de trabalho e busca por melhores oportunidades, o curso tecnológico pode ser a saída ideal para a sua ascensão.

3 Há uma demanda muito grande por profissionais qualificados

A atual situação econômica do Brasil - inflação, alta do dólar, desvalorização da moeda e PIB com perspectivas negativas - obriga que as empresas antecipem o mais rápido possível o planejamento do ano seguinte. Nesse cenário, o gestor financeiro aparece como principal responsável por analisar, gerenciar e executar um plano de crise compatível com a atual situação da organização. Essa tarefa, por ser extremamente delicada e complexa, exige profissionais capacitados que consigam atuar de maneira assertiva em momentos de tensão, por exemplo.

Como falamos anteriormente, o gestor financeiro é extremamente necessário em tempos de crise. Suas habilidades e competências são capazes de potencializar e até mesmo salvar empresas de falência e maus investimentos. Sem contar que os conhecimentos adquiridos no curso de Gestão Financeira serão amplamente aplicados, também, na vida pessoal de seus profissionais.

E aí? Está esperando o que para mergulhar nesse mar de oportunidades do curso de Gestão Financeira?

As vantagens competitivas do tecnólogo em Gestão Financeira - UNIPE

Gestao Financeira

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia da Fonseca

Ana Flávia Pereira Medeiros da Fonseca é reitora do Centro Universitário de João Pessoa - Unipê. Doutora em Ciência da Informação pela Universidade de Maryland-EUA, exerceu cargo de Chefe de Arquitetura de Informação (Chief Information Architect) e Gerente do Departamento de Gestão da Informação do Banco Mundial. Possui experiência em negociação e cooperação internacional na área de projetos de informação com agências multilaterais e bilaterais, administrando programas relacionados à análise e ao apoio de projetos científicos e tecnológicos.